Viradão Cultural Suburbano agita o fim de semana do Rio | Diário do Porto


Programação

Viradão Cultural Suburbano agita o fim de semana do Rio

É tudo grátis. Veja programação completa para Madureira, Andaraí, Cachambi, Osvaldo Cruz, Vila da Penha, Cordovil, Engenho de Dentro e outros

8 de novembro de 2019

Festival foi idealizado e custeado de forma totalmente colaborativa (Foto: Rovena Rosa Agência Brasil)

Compartilhe essa notícia:


O subúrbio carioca recebe neste fim de semana a 1° edição do Viradão Cultural Suburbano. Serão 36 horas de atrações gratuitas, desenvolvidas e apresentadas por artistas atuantes nos subúrbios. Eles vão se revezar em palcos distribuídos por Bento Ribeiro, Cascadura, Madureira, Oswaldo Cruz , Rocha Miranda e outras localidades.

Artistas como Dona Ivone Lara e Paulo da Portela serviram como inspiração para o festival. Outros homenageados são Tia Surica, Mestre Darcy, Tia Maria, Xandu, Rubens Santana e Mestre Ivan Milanez.

O objetivo da Viradão é visibilidade à potencialidade criativa dos moradores dos subúrbios. É uma forma de contestar narrativas que associam essas localidades à carência e à violência.


LEIA TAMBÉM:

Rio alcança o 2º lugar em exportações

Diogo Nogueira e Naldo no aniversário de Cabo Frio

Cais do Valongo: Brasil pode perder título de Patrimônio Mundial


“Tivemos essa ideia há dois meses atrás, sem nenhum tipo de incentivo ou patrocínio. Fomos chamando as pessoas, somando forças, dando forma ao projeto e isso tudo tomou uma proporção muito maior do que a gente esperava. Tivemos a inscrição de mais de 170 artistas, conseguimos abrir frente em 19 bairros do subúrbio e a gente não tem um responsável exclusivo pela organização. É sempre um coletivo que se junta para organizar em qual área pode atuar“, diz o historiador Rafael Mattoso, um dos idealizadores do festival.

Programação

Sábado

Local: Shopping Days (Av. Ministro Edgard Romero, 244 – Madureira)

9h – Roda de Conversa: Como cuidar da nossa saúde mental?

10h – Voz e violão

13h – Roda de Conversa: O Genocídio da Juventude Negra

15h – Voz e violão

Baticum Butiquim (Rua Uruguai, 35 – Andaraí)

17h – Roda de Samba

Círculo Laranja (Rua Álvares Cabral, 505 – Cachambi)

9h – Feira Agroecológica

10h – Debate: Matrizes energéticas, autonomia e sustentabilidade

Parque Madureira (Rua Soares Caldeira, 115 – Madureira)

10h – Debate: Escolas de Samba e suas relações com a religiosidade

13h – Debate: Cultura Suburbana e Roda de Leitura Infantil no Quiosque Moo

15h – Desfile de Quadrilhas Infantis e Projeto Mestre Sala e Porta Bandeira

17h – Apresentação da Inocentes da Caprichosos e Coração Batuqueiro

18h – Apresentação do Bloco O Baile Todo, Roda de Hip Hop e Morgado (Banda 1 KG)

Suburbô (Rua Sidônio Paes, 119 – Cascadura)

11h – Roda de conversa: Subúrbio, território inventivo, com Matheus Carvalho, Karoline Duarte e Taty Maria

13h – Roda de conversa com Bruno Rico e Leandro Leal: Onde a Coruja Dorme?

15h – Roda de conversa com Luiz Antônio Simas e Vitor Almeida: Boteco, patrimônio e memória


/