Guia Maravilha

Vincent Cassel interpreta Gauguin em novo filme

No ano de 1891, Gauguin se exila no Taiti. Ele quer reencontrar sua pintura livre, selvagem, longe dos códigos morais, políticos e estéticos da Europa civilizada

28 de agosto de 2018

Compartilhe essa notícia em sua rede social:

TERÇA, 28 de agosto

‘Gauguin – viagem ao Taiti’ (Cine Odeon)

SINOPSE: No ano de 1891, Gauguin se exila no Taiti. Ele quer reencontrar sua pintura livre, selvagem, longe dos códigos morais, políticos e estéticos da Europa civilizada. Ele se infiltra na selva, encarando a solidão, a pobreza, a doença. Lá, Gauguin conhece Tehura, que se tornará sua esposa e tema das suas telas mais importantes.

17h25. Ingressos à venda online.

EXPOSIÇÕES

Museu Nacional de Belas Artes

  • A reinvenção do Rio de Janeiro: Avenida Central e a memória arquitetônica do MNBA.
De 13.1.18 a 2.12.18. Das 10h às 18h. Ingressos à venda por R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia) nas bilheterias do museu.
  • Das galés às galerias: representações e protagonismos do negro no acervo do Museu Nacional de Belas Artes.
De 30.5.18 a 30.9.18. Das 10h às 18h. Ingressos à venda por R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia) nas bilheterias do museu.
  • O colecionismo no Brasil – Eugène Boudin e os barões de São Joaquim.
De 25.7.18 a 2.12.18. Das 10h às 18h. Ingressos à venda por R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia) nas bilheterias do museu.
  • Wilson Piran: nem tudo que brilha é ouro
De 30.5.18 a 9.9.18. Das 10h às 18h. Ingressos à venda por R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia) nas bilheterias do museu.

Caixa Cultural

  • A exposição ‘Loucuras anunciadas‘ reúne 20 gravuras do que é considerado o período mais obscuro e complexo da produção de Francisco Goya.
De 10.7.18 a 7.10.18. Das 10h às 21h. Entrada franca
  • Considerado um dos maiores nomes de sua geração em âmbito mundial, o fotógrafo russo Serguei Maksimishin apresenta um ousado retrato da atualidade de seu país na exposição ‘O último império‘.
De 7.8.18 a 14.10.18. Das 10h às 21h. Entrada franca.
  • A exposição ‘Pelos ares: 15.042 km de Brasil‘ apresenta 60 fotografias aéreas e vídeos do piloto, além de objetos e um simulador de realidade virtual em que o visitante chega próximo da sensação de voar.
De 7.8.18 a 30.9.18. Das 10h às 21h. Entrada franca.

Casa França-Brasil

  • Exposição ‘Céu de querubins‘, da galeria Aecio Sarti, do artista de Paraty. Fotos de Gustavo Massola e curadoria de Daisy Justus.
    De 17.8.18 a 30.8.18. Das 10h às 20h. Entrada franca.

Centro Cultural Justiça Federal

  • ‘A mostra coletiva ‘Somos todos iguais‘, composta por mais de 30 artistas visuais, propõe uma análise sobre a igualdade e justiça social. A exposição apresenta pinturas, desenhos, fotografias, esculturas, instalações e arte urbana.
    De 23.8.18 a 21.10.18. De 12h às 19h. Entrada franca. 
  • A exposição ‘A emergência dos corpos‘ traz o corpo feminino como fio condutor, propondo um mergulho nas diversas formas de manifestação do corpo simbólico na arte.
    De 11.8.18 a 16.9.18. Das 12h às 19h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

  • Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.
    De 25.7.18 a 9.9.18. Das 12h às 19h. Entrada franca.

Palácio Itamaraty – Museu Histórico e Diplomático

  • No interior do Palácio Itamaraty, na Rua Marechal Floriano 196, o Museu Histórico e Diplomático (MHD) reúne um belo acervo sobre a história diplomática do Brasil. Em seus amplos salões, caracterizados como uma residência no século XIX, há obras de arte, mobiliário de época e objetos decorativos.
    Visitas guiadas as 13h, 14h e 15h. Entrada franca.

Palácio Tiradentes

  • A mostra ‘Três Vezes Rio‘ reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. É uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

    De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

TEATRO

Caixa Cultural

  • Considerada a obra-prima do dramaturgo Plínio Marcos, a peça ‘Navalha na carne‘ ganha montagem criada pelo Teatro Oficina e dirigida por Marcelo Drummond.
De 16.8.18 a 2.9.18. 19h. Ingressos à venda por R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) – Plateia e R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) – Balcão. Clientes CAIXA pagam meia entrada.
  • Primeira montagem brasileira do premiado dramaturgo chileno Guilhermo Calderón, a peça ‘Dezembro‘ narra a história de três irmãos que vivem em uma América Latina em guerra.
De 24.8.18 a 2.9.18. 19h. Ingressos à venda por R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). Clientes CAIXA pagam meia entrada.

Centro Cultural da Justiça Federal

  • Meus 200 filhos‘: A narrativa focaliza a vida e a obra de Janusz Korczak, médico e pedagogo judeu polonês, que fundou o Orfanato Modelo, onde trabalhou durante 30 anos.
De 18.8.18 a 23.9.18. 19h. Ingressos à venda na bilheteria – (21) 3261-2565.

CINEMA

Cine Odeon

  • Escobar, a traição‘: 1981, Colômbia. Líder do Cartel de Medellín, Pablo Escobar (Javier Bardem) é um dos maiores traficantes de cocaína para os Estados Unidos, o que faz com que governo de Ronald Reagan insista na criação de um tratado entre os dois países que permita que ele seja julgado em solo americano.
    15h e 19h30. Ingressos à venda online.
  • Gauguin – viagem ao Taiti‘: No ano de 1891, Gauguin se exila no Taiti. Ele quer reencontrar sua pintura livre, selvagem, longe dos códigos morais, políticos e estéticos da Europa civilizada. Ele se infiltra na selva, encarando a solidão, a pobreza, a doença. Lá, Gauguin conhece Tehura, que se tornará sua esposa e tema das suas telas mais importantes.
    17h20 e 19h30. Ingressos à venda online.

Compartilhe essa notícia em sua rede social: