Turismo: trade do Rio articula com o Legislativo | Diário do Porto


Turismo

Turismo: trade do Rio articula com o Legislativo

Conversa de deputado com trade do turismo incluiu imposto sobre remessa para o exterior, capital estrangeiro no setor e liberação de visto para chineses

28 de maio de 2019

Representantes do setor de turismo com o deputado Marcelo Calero (divulgação/Abav-RJ)

Compartilhe essa notícia:


Representantes do trade de turismo no Rio estão atuando pela aprovação de pautas de interesse do setor que tramitam no Congresso Nacional. O passo mais recente foi um encontro com o deputado Marcelo Calero, do partido Cidadania (RJ), promovido pelo presidente do SindRio (Sindicato de Bares e Restaurantes), Fernando Blower.

A presidente da Associação Brasileira dos Agentes de Viagem (Abav-RJ),  Cristina Fritsch, participou da reunião. Entre os temas mais importantes esteve a MP 713/2016, que mantém o Imposto de Renda Retido na Fonte sobre a remessa de valores ao exterior em 6%. A alíquota termina no fim do ano, voltando para 25% caso não seja renovada.

Outro assunto destacado pela presidente da Abav-RJ foi a importância da aprovação da Lei Geral do Turismo, que abre o segmento para participação de até 100% do capital estrangeiro, da liberação de visto eletrônico para a China e da transformação da Embratur em uma agência de promoção.

 


VEJA TAMBÉM:

Patrimônios do Rio recebem R$ 3 milhões em doações internacionais

Estudantes da rede municipal do Rio fazem concertos na Espanha

Cristina Fritsch diz que Brizola e Globo fizeram mal ao Rio


 

“Esse trabalho de aproximação com os deputados federais e senadores de nossas bases é primordial para conseguirmos agilidade e êxito nos pleitos que correm no Congresso. Se todas as entidades de turismo de seus estados se reunissem para fazer o mesmo, certamente teríamos sucesso”, destacou Cristina Fritsch.

Também participaram do encontro a presidente do Rio Convention Bureau, Sonia Chami; o presidente da Apresenta Rio, Pedro Guimarães; o presidente da Comissão de Turismo do OAB, Hamilton Vasconcelos; e o fundador da Ingresso Certo, Allan Satanna. Eles levantaram pleitos como a regulamentação do setor de Bares e Restaurantes, a liberação de cassinos no Brasil, os problemas causados pelo excesso de informalidade no turismo e a necessidade urgente da desburocratização do setor para a geração de mais empregos.

 


/