Exposição

Tricô coletivo vai ‘conversar’ com obra de Portinari

Exposição participativa ‘Arte Aproxima’ junta arte contemporânea com obras famosas no Museu Nacional de Belas Artes. Jovem é o público-alvo

30 de outubro de 2018
Roberta Blatt, psicóloga que criou o projeto (Foto: Divulgação)

Compartilhe essa notícia em sua rede social:
Arte que Aproxima - Escola Tia Maura
Roberta Blatt, psicóloga que criou o projeto: ‘a arte é curativa’ (Foto: Divulgação)

Um grande tricô coletivo que será produzido pelo público e uma estrutura a ser construída com tijolos contendo desenhos feitos pelas crianças. Estas são algumas das atrações da exposição participativa ‘Arte Aproxima’, mostra aberta nesta terça-feira, dia 30 de outubro, e que vai até 30 de novembro no Museu Nacional de Belas Artes (MnBA).

A mostra reúne obras contemporâneas dos artistas Ernesto Neto, Efrain Almeida, Priscila Fiszman, Emilia Estrada, Aline Gonet e da psicóloga Roberta Blatt, idealizadora do projeto. Os trabalhos vão se integrar às pinturas emblemáticas da história da arte pertencentes ao Museu, como A Primeira Missa (1948), de Cândido Portinari (1903-1962), e obras do século XIX, de artistas como Victor Meirelles (1832-1903) e Pedro Peres (1841-1923).

A exposição é aberta a crianças de todas as idades e será complementada com a participação do público. O objetivo é “familiarizar o público jovem com o mundo da arte, despertando trocas sensíveis e novas experiências. Os artistas e educadores estão presentes na mostra e os trabalhos criados pelo público ao longo da exposição, através das atividades propostas e dos materiais disponíveis, ficam expostos.

“A arte é curativa e transformadora, permite entrar em contato consigo mesmo, trazendo insights. Os artistas vivenciam isso durante a produção das obras, mas essa oportunidade pode existir para todos. O projeto tem como objetivo democratizar e disponibilizar essa experiência para as pessoas”, diz Robertha Blatt, que é psicóloga, educadora há 20 anos e tem 15 anos de experiência em terapia de família.

O circuito inédito integrado tem curadoria de Lisette Lagnado. Ao longo da exposição, haverá, ainda, conversas com os artistas, a curadora e a idealizadora do projeto. A exposição é incentivada pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura Carioca.

SERVIÇO:

Arte Aproxima

Museu Nacional de Belas Artes – Avenida Rio Branco 199 – Centro

De 30 de outubro a 30 de novembro de 2018

De terça a sexta-feira, das 10h às 18h. Sábados, domingos e feriados, das 13h às 18h

Ingressos: R$ 8 (meia R$4). Ingresso família (para até 4 membros de uma mesma família): R$ 8. Entrada gratuita aos domingos

Telefone: (21) 3299.0600
Classificação: livre (recomendado para crianças a partir de 3 anos)

Agendamento de grupos e escolas: agendamento@nextproducoes.com.br

Encontros públicos:

1 de novembro de 2018 (quinta-feira), das 14h30 às 17h

Junto com artistas propositores, Lisette Lagnado e Robertha Blatt discutem concepção, processo criativo e expõem métodos de trabalho. Ernesto Neto ensinará meditação para as crianças dentro de sua escultura.

10 de novembro de 2018 (sábado), das 14h às 17h

Roda de conversa com Ernesto Neto e convidados.

Patrocínio: Prefeitura do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Rede D’Or São Luiz, Banco Modal, Wheatherford e Htrading

 

Compartilhe essa notícia em sua rede social: