SOS Bikes realiza manutenção gratuita em Niterói | Diário do Porto


Inovação

SOS Bikes realiza manutenção gratuita em Niterói

Oficina móvel do SOS Bikes atua de segunda à sábado em Niterói, com ajustes, calibragem e consertos simples nas bicicletas. Projeto chega ao Rio no próximo mês

12 de março de 2021

Ciclista faz reparo na Orla de Boa Viagem (Foto: SOS Bikes / Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


Os fãs das “magrelas” ganharam mais um motivo para explorar as ciclovias de Niterói. Neste mês, os ciclistas que pedalarem entre o Centro e Charitas, poderão utilizar o serviço gratuito de reparos oferecido pelo projeto SOS Bikes.

O projeto oferece reparos simples, como conserto de furos e troca de câmeras de ar, ajustes em bancos, guidões e correntes e calibragem de pneus. O ciclista paga apenas o custo do material utilizado no procedimento, ou caso precise trocar peças. O SOS Bike funcionará diariamente, de segunda a sábado.

Projeto Piloto

De acordo com SOS Bike, o crescimento exponencial de ciclistas nas ruas de Niterói nos últimos anos fez com que a cidade fosse escolhida para dar início ao projeto. O município conta, atualmente, com uma malha cicloviária de 45 quilômetros. E começará a ganhar mais 23 quilômetros de ciclovia na Região Oceânica.

A primeira etapa do projeto será a criação de percurso para bicicletas passando pelos bairros de Piratininga, Santo Antônio, Jacaré, Maravista e Engenho do Mato. Este novo eixo se conectará com outros trechos, como a construção do Parque Orla de Piratininga Afredo Sirkis, que será iniciada este mês.


Leia também

Edifício Aqwa Corporate inaugura o Sterna Café

Comerciantes estão mais inseguros, conclui a Fecomércio RJ

Huawei investe em primeiro laboratório 5G do RJ


SOS Bikes no Rio

Depois de um mês em Niterói, a iniciativa será levada para o Rio e funcionará no percurso do Parque do Flamengo até Copacabana.

“O objetivo é levar para os ciclistas das cidades contempladas serviços básicos de reparos das bikes, como conserto de furos, troca de câmeras de ar, ajustes em bancos, guidões e correntes e calibragem de pneus sem custo para os ciclistas, exceto o material utilizado”, explica, Rodrigo Del Claro, dono da empresa.