Sexta tem Jongo da Serrinha no 'Estação Praça Onze' | Diário do Porto

Programação

Sexta tem Jongo da Serrinha no ‘Estação Praça Onze’

Marquinhos de Oswaldo Cruz comanda super roda de samba e recebe convidados toda primeira sexta do mês. Dia 3 tem Jongo da Serrinha

30 de abril de 2019


Jongo da Serrinha: muito balanço na preservação de ritmo nascido na África


Compartilhe essa notícia:


O projeto “Estação Praça Onze” volta nesta sexta-feira, 3 de maio, com Marquinhos de Oswaldo Cruz comandando uma roda de samba de raiz. Toda primeira sexta-feira do mês Marquinhos recebe um convidado especial. Nesta segunda edição, a atração será o Jongo da Serrinha, com direito a Tia Maria Jongo e seu time de Jongueira. O evento é no picadeiro do Circo Crescer e Viver, na Cidade Nova.

O grupo surgiu no morro da Serrinha, em Madureira, para preservar o ritmo criado no Congo e em Angola. Chegou ao Brasil Colônia com os escravos das lavouras de café. Também conhecido por caxambu, o jongo reúne dançarinos descalços, vestindo as roupas comuns do dia-a-dia. É uma dança de roda e de umbigada.

O jongo é cantado primeiramente pelo solista, com versos livres improvisados, e o refrão é respondido por todos. São frases curtas que retratam o contato com a natureza, o cotidiano de trabalho braçal nas fazendas e a revolta com a opressão sofrida. As canções são no linguajar do homem rural, com “sotaque de preto-velho”, e misturam o português com o dialeto africano de origem bantu.

 


VEJA TAMBÉM:

As doações para o Museu Nacional e a Notre Dame

Histórias de vida das prisioneiras longe de casa

Indústria cultural do Rio vive inferno astral


 

O Grupo Cultural Jongo da Serrinha criou a Escola do Jongo na comunidade do Império Serrano em 1947. A escola oferece aulas de dança, música, capoeira, teatro e artes plásticas para 120 crianças e jovens de 4 a 18 anos. Uma creche recém-construída vai receber mais 120 crianças de até 3 anos.

A Estação Praça Onze é uma realização/produção do Trem do Samba em parceria com o Circo Crescer e Viver. Os ingressos já estão à venda aqui. O Circo Crescer e Viver fica na Rua Carmo Neto 143, Cidade Nova.

Ficha técnica

Estreia do Projeto Estação Praça Onze- Marquinhos de Oswaldo Cruz Recebe Jongo da Serrinha.

Data: 3 de Maio de 2019- Sexta-Feira.

Local: Circo Crescer e Viver

Endereço: Rua Carmo Neto, 143 – Cidade Nova- Rio de Janeiro.

Horário: A partir das 18h

Os ingressos já estão à venda: 1° LOTE – R$ 10,00 (inteira) – Esgotados;l2° LOTE – R$ 20,00 (inteira) – vendas até 30 de abril; 3° LOTE E BILHETERIA – R$ 30,00 (inteira).Garante o seu ingresso antecipado no link: https://bit.ly/2vm6RtA .

Mais Informações: (21) 3972-1391.

Classificação: 18 anos- Menores só acompanhados pelos pais ou devidos responsáveis.