Sebrae Rio vai capacitar 200 mulheres empreendedoras | Diário do Porto

Empreendedorismo

Sebrae Rio vai capacitar 200 mulheres empreendedoras

Programa do Sebrae Rio recebe inscrições até dia 28 de abril. São 140 vagas para microempreendedoras individuais e 60 para as donas de microempresas

25 de abril de 2021


Sebrae Rio estimula o empreendedorismo entre as mulheres (foto: Agência Brasil)


Compartilhe essa notícia:


Com o objetivo de incentivar novos negócios liderados por mulheres, o Sebrae Rio está com inscrições abertas até o dia 28 de abril na edição 2021 do Programa Sebrae Delas. São 140 vagas para quem é enquadrada como Microempreendedora Individual – MEI e outras 60, para as donas de microempresas (ME).

Serão oferecidas capacitações coletivas e consultorias individuais, além de sessões de negócios e encontros estaduais para fortalecimento de redes. Entre os temas que serão abordados estão “Inspiração e Empoderamento Feminino”, “Habilidades Comportamentais – Soft Skills”, “Planejamento Estratégico”, “Finanças” e “Marketing Digital”.

Carla Panisset, coordenadora do Comunidade Sebrae Rio, afirma que as mulheres empreendedoras já estão à frente de um terço dos negócios existentes no país. “Elas contribuem para a geração de renda e emprego em suas famílias, bairros e comunidades e, por isso, merecem um programa como o Sebrae Delas, que entende as necessidades específicas das mulheres empreendedoras, o que as torna potentes e em que elas precisam suporte”, afirma.

Programa do Sebrae Rio já capacitou 747 mulheres

O Programa Sebrae Delas visa tornar os negócios liderados por mulheres mais competitivos, por meio do suporte a gestão e melhoria das habilidades empreendedoras. A iniciativa inclui capacitações e encontros para formação de rede empresarial e consultorias, que contribuirão para o crescimento sustentável dos negócios, impactando positivamente a economia e o ecossistema do empreendedorismo feminino no Estado do Rio de Janeiro.

Desde sua criação, em 2019, o Programa já atendeu 747 mulheres (direta ou indiretamente) e as capacitações ocasionaram aumento do faturamento e acesso a serviços financeiros para seus negócios. Só no ano passado, as empresas participantes registraram um aumento de 10% no faturamento bruto, além do aperfeiçoamento de algum produto, serviço ou processo em 62% desses negócios.

Esta edição do Sebrae Delas terá duração de até 7 meses, com início previsto para maio, sendo priorizada a realização de atividades, de forma remota, em ambientes digitais. O programa é subsidiado pelo Sebrae Rio, mas as empresas selecionadas deverão efetuar o pagamento de R$ 100 (MEI) e R$ 300 (ME). Os valores poderão ser parcelados em até 12 vezes, por meio de cartão de crédito. As inscrições são pela internet.

Empreendedorismo feminino em alta no Brasil

Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC), realizada pelo IBGE, cerca de 9,3 milhões de mulheres estão à frente de negócio no Brasil e segundo dados da pesquisa do Global Entrepreneurship Monitor realizada no Brasil pelo Sebrae, em 2017 o número de empreendedores entre 45 e 54 anos eram de 10,3 milhões e entre 55 e 64 anos eram de 6,1 milhões.

No ano passado, o Brasil bateu o recorde histórico da quantidade de empreendedores da história nacional, chegando a 52 milhões de brasileiros que possuem negócio próprio, representando cerca de 30% do PIB anual. O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), contabilizou 24 milhões de mulheres empreendendo no Brasil, o que representa 46% do total.


LEIA TAMBÉM:

Sebrae RJ abre inscrições para Programa Impacta

Fecomércio RJ mostra alto medo do desemprego

VW inicia a produção do caminhão elétrico, em Resende