Sebrae Rio capacita para mercado internacional | Diário do Porto


Empreendedorismo

Sebrae Rio capacita para mercado internacional

Inscrições para o Programa ProGlobal do Sebrae Rio, que capacitará 130 empreendedores para mercado internacional, vão até 31 de agosto

21 de agosto de 2021

Sebrae capacitará130 pequenos empreendedores para mercado internacional (Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


Em tempos de pandemia e avanço da economia digital, os pequenos negócios vêm enxergando o mercado internacional como opção para aumentar o faturamento das empresas. Para internacionalizar a sua marca, o empreendedor precisa criar e desenvolver novos processos e adquirir outras competências e habilidades. Com o objetivo de fomentar e consolidar a participação das micro e pequenas empresas neste cenário, oSebrae Rio seleciona até o dia 31 de agosto, 130 micro e pequenas empresas do Estado do Rio de Janeiro, para participar do programa de aceleração “ProGlobal.

O programa terá duração de até 14 meses, com 212 horas de capacitações e consultorias individuais. Terá início no mês de outubro e com previsão de término para novembro de 2022. O conteúdo foi elaborado para aprimorar a competitividade e a produtividade dos pequenos negócios com foco em design e modelagem estratégica para internacionalização; inovação e desenvolvimento de produto/serviço para internacionalização; gestão financeira internacional; estratégia de comunicação internacional e estratégia comercial internacional.

“O Rio de Janeiro possui excessiva concentração de mercados de destino de suas exportações, com 47% do valor para a China e 21% para os Estados Unidos. O empreendedor precisa olhar todas as oportunidades para sua empresa crescer, melhorar sua competitividade, e alcançar novos clientes nos mercados doméstico e internacional”, destaca Miriam Ferraz, coordenadora de Negócios Internacionais do Sebrae Rio.

Durante o período de capacitações, os pequenos negócios terão a oportunidade de promover intercâmbio comercial e tecnológico; ter acesso a um conjunto de ferramentas e informações que facilitam a entrada dos produtos e serviços no mercado internacional; à criação de novos ou diversificação do portfólio da empresa; a melhorias na eficiência produtiva e redução de custos; e de fomentar parcerias estratégias para a promoção de negócios.

Sebrae Rio subsidia 85% do programa

Para participar do edital, os pequenos negócios precisam possuir inscrição válida no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ; estar enquadrada como MEI – Microempreendedor Individual, Microempresa ou Empresa de Pequeno Porte, com faturamento anual máximo de R$ 4,8 milhões. Empresas sediadas em outros estados poderão se inscrever para integrar o cadastro de reserva.

Dentro desse perfil, os pequenos negócios mais aptos a participarem são voltados para Alimentos e Bebidas; Moda e Acessórios; Saúde e Beleza; Energias: Engenharia e Produção de Petróleo, Gás e Energia; Tecnologia da Informação e Comunicação e Metalmecânico.

O Sebrae Rio subsidiará 85% do programa. As micro e pequenas empresas custearão os 15% restantes. Mais informações no site www.sebraeproglobal.com.br.


LEIA TAMBÉM:

Quiosque do Pepê e Filé e Folhas são as novas estrelas do AQWA

Rio em Frente: Fecomércio RJ reúne prefeito e governador pelo futuro

Gerp: entre dúvidas e paredões, um cenário confuso na eleição do Rio