Roda gigante faz parceria para aumentar doação de sangue | Diário do Porto


Solidariedade

Roda gigante faz parceria para aumentar doação de sangue

Com a parceria, Rio Star dá 50% de desconto para quem doar sangue ao Hemocento São Lucas, no Méier. Os ingressos só serão usados quando acabar o isolamento

13 de abril de 2020

Promoção da Roda gigante Rio Star será válida para quem doar sangue até 15 de maio (foto: Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


A roda gigante RioStar fez uma parceria com o Hemocentro São Lucas, com o objetivo de aumentar o número de doadores de sangue. Os doadores vão ganhar desconto de 50% ao comprar um ingresso, quando a atração do Porto Maravilha retornar ao funcionamento.

O isolamento social, decretado para evitar a expansão do contágio do coronavírus, fez os estoques de sangue da instituição caírem pela metade. A promoção da Rio Star será válida para quem doar sangue no hemocentro entre 15 de abril e 15 de maio.

É necessário guardar o comprovante da doação, que deve ser apresentado na bilheteria da roda gigante no momento da compra do ingresso. O retorno às atividades ainda não tem data definida, pois a direção da Rio Star paralisou os trabalhos, em alinhamento com as medidas governamentais, e disse que só voltará a funcionar “quando não houver mais riscos para clientes e funcionários”.

A médica Andressa Oliveira, do Hemocentro São Lucas, afirma que a pandemia do coronavírus reduziu os estoques de sangue em todos os hemocentros

“Apesar da orientação de seguirmos com o isolamento social, que é de fundamental importância, precisamos que as pessoas, de forma organizada e segura, façam o agendamento da doação de sangue em nossa unidade. Nosso ambiente de doação não está localizado dentro de um hospital e estabelecemos diversas ações para segurança, como: distanciamento das cadeiras, uso de EPI, agendamento e limpeza de todo mobiliário”, explica a profissional, ressaltando que uma única doação pode salvar até 4 vidas.


LEIA MAIS:

Prefeito ameaça levar idosos compulsoriamente para hotéis

Artistas e esportistas do mundo todo fazem doações contra o coronavírus

Caixa Econômica incentiva a compra de novos imóveis


Para fazer a doação de sangue, é preciso ter entre 18 e 69 anos, pesar acima de 50 kg, estar alimentado e portando algum documento de identidade original com foto.

O atendimento é de segunda a quinta-feira, das 8h às 17h, e às sextas, das 08h às 16h. O Hemocentro São Lucas fica na rua Manoela Barbosa, 50, no bairro do Méier, na Zona Norte do Rio.

Pessoas que tomaram vacina contra sarampo ou febre amarela só podem doar sangue depois de 30 dias, a partir da data da vacinação. Candidatos que tenham feito transfusão de sangue só estão aptos a doar após 1 ano.

Se realizou endoscopia ou colonoscopia, deve aguardar 6 meses. Para quem fez tatuagem ou colocou piercing recentemente, o período de espera também é de 6 meses. Pessoas com piercing na língua não podem fazer a doação. Em caso de retirada da jóia, só será permitido depois de 1 ano. No caso de uso de antibióticos, deve-se aguardar 14 dias após o término do tratamento, se estiver sem sintomas.

Para quem quiser mais informações e agendar a doação, o telefone do hemocentro é (21) 3795-7572.