Turismo

GOL espera aumento de 167% de voos no RIOgaleão

Queda em relação ao mesmo mês de 2019 ainda será alta: 81%. Concessionária RIOGaleão adota medidas de segurança contra o contágio da covid-19

3 de julho de 2020
RIOGaleão adota ações contra o contágio do coronavírus (Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


A GOL, uma das empresas que esperam a retomada nas atividades econômicas em julho,  pretende aumentar em 167% o número de vôos do Aeroporto Internacional Tom Jobim, o RIOgaleão. A empresa aérea espera que o número de clientes aumente de 57 mil em  junho para mais de 185 mil em julho. Porém, mesmo com este aumento, a GOL estima uma queda de 81% em relação a julho de 2019. KLM, TAP e Air France continuam operando voos internacionais no aeroporto. 

O retorno das operações contará com novas estratégias e programas para minimizar o contágio e os riscos relacionados ao Covid-19. Durante o mês de junho, o aeroporto realizou voos domésticos para 12 destinos e pretende realizar para 18, neste mês. 

“Como a principal porta de entrada de visitantes do Rio de Janeiro e importante terminal logístico para cargas de alto valor agregado, o RIOgaleão está pronto para desempenhar papel relevante na retomada da economia do Rio de Janeiro”, disse o presidente da Concessionária RIOgaleão, Alexandre Monteiro.

Para ajudar na recuperação das companhias aéreas, a RIOgaleão reduziu custos para que as empresas continuem operando no aeroporto. Segundo a concessionária, as operações são fundamentais para o crescimento econômico do estado, uma vez que representam mais de 170 mil empregos em turismo e transporte de cargas aéreas. 

 


LEIA MAIS:

Maioria dos hotéis do Rio não tem previsão para reabrir

Bonde de Santa Teresa volta a funcionar com novas regras

Transporte clandestino cresce na pandemia e traz riscos a passageiros


 

Segurança na retomada

O RIOgaleão vem praticando, desde o decreto de emergência sanitária, ações de treinamento e prevenção que incluem contratação de empresas de serviços auxiliares ao transporte aéreo. Com a gradual retomada das operações, a concessionária vai adotar uma série de ações para a segurança de passageiros e de trabalhadores do setor. O Aeroporto já funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, com 100% de atividade.