Reviver Centro tem cinco novos pedidos de licenciamento | Diário do Porto


Urbanismo

Reviver Centro tem cinco novos pedidos de licenciamento

Programa da Prefeitura para reocupação do Centro recebe cinco pedidos de licenciamento na última semana. Região pode ganhar três mil novos moradores

6 de janeiro de 2022

Histórico edifício da torre do relógio do antigo prédio da Mesbla é um dos cinco empreendimentos que pediram licenciamento no Reviver Centro (Rio Já)

Compartilhe essa notícia:


Lançado no meio do ano passado, o programa Reviver Centro inicia 2022 com cinco novos pedidos de licenciamento para empreendimentos comerciais e residências em análise pela Prefeitura. Se aprovados, serão cerca de 1033 novas unidades residenciais na Região. Juntos, nos próximos anos podem levar mais três mil novos potenciais moradores à zona central da cidade, hoje tão abandonada e esvaziada pela pandemia.

A lista de projetos incluí a conversão de uso da antiga gráfica do jornal O Globo, na avenida Marques de Pombal, e do Hotel São Francisco, na Visconde de Inhaúma, em empreendimentos residenciais. Outro endereço icônico que será transformado em misto de condomínio residencial e comercial fica na Rua do Passeio 56, célebre por sua torre relógio em estilo art decó no antigo edifício Mesbla, um dos marcos do Centro do Rio. Para completar, há dois edifícios na Avenida Presidente Vargas: o do número 62, que foi sede da Defensoria Pública da União, e um estacionamento no número 1140.

Programa é o futuro do Centro

Titular da pasta responsável pela análise e aprovação dos licenciamentos do Reviver Centro, Chicão Bulhões, secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação, comemora o novo momento vivido pelo Centro e acredita no futuro da região tão castigada pela pandemia e que sofreu com o fechamento em massa de dezenas bares, restaurantes e lojas desde março de 2020.

“Na última semana tivemos cinco novos pedidos de licenciamento na área do Reviver Centro. Isso é reflexo das mudanças que fizemos na legislação e na desburocratização do processo. Os investimentos estão voltando para o Rio, que tem tudo para voltar a crescer nesse ano de 2022”, disse Bulhões.

Confira abaixo a relação dos empreendimentos e os responsáveis pela sua adequação, conversão ou construção.

Para acompanhar os projetos aprovados ou em licenciamento do projeto Reviver Centro clique aqui.


LEIA TAMBÉM:

Águas do Rio lança Programa Jovem Aprendiz 2022

Cassinos têm urgência para votação na Câmara

Covid cancela cinco Cruzeiros no Porto do Rio