Reforma da Orla Conde começa em dezembro | Diário do Porto


Urbanismo

Reforma da Orla Conde começa em dezembro

Com 17,6% de deságio, Colônia Arquitetura e Construção venceu a licitação para reparo da Orla Conde. Obras começam ainda esse ano

29 de novembro de 2021

Corredora desvia de um dos 43 buracos contados pelo DIÁRIO DO PORTO na Orla Conde (DIÁRIO DO PORTO)

Compartilhe essa notícia:


Foi publicada hoje no Diário Oficial do Município que a Colônia Arquitetura e Construção venceu a licitação e será a empresa responsável pela tão aguardada reforma da Orla Conde. trecho do Porto revitalizado de 3,5 kms que comçea na Praça XV e vai até a Roda Gigante Rio Star.  Com sede no bairro da Freguesia, Zona Oeste da cidade, e capital social declarado de R$ 1,5 milhão, a empresa foi a vencedora da concorrência que contou com quatro postulantes. Sua proposta pelo projeto foi de R$ 1.989.000,00, 17,62% menor que o valor previsto no edital, orçado em R$ 2.414. 426,11. A reforma deve começar ainda este ano.

Em setembro, reportagem do DIÁRIO DO PORTO contou 43 buracos no calçamento da Orla; 14 espaços de árvore vazios; cinco afundamentos; uma caixa ou bueiro sem tampa e uma raiz de arbusto rompendo o piso. Havia também inúmeros outros danos, como placas de piso rachadas e irregularidades e elevações menores no solo, com potencial de causar acidentes em pedestres: https://diariodoporto.com.br/orla-conde-sofre-com-falta-de-cuidados/

Depois da reportagem, Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp) informou que iria lançar a licitação que teve o resultado conhecido na última sexta-feira. Serão recuperados calçadas, praças e vias de serviço do Boulevard Olímpico em toda sua extensão; o paisagismo será recomposto; e mais de 300 novos balizadores serão instalados para coibir a circulação de veículos na Orla – os principais causadores dos buracos na via.

Uma vez a obra iniciada, a expectativa é entregar a Orla Conde renovada em quatro meses. Finalizado o trabalho,  haverá novo contrato para manutenção do espaço. O contrato será gerenciado pelo corpo técnico da Cdurp, empresa da Prefeitura responsável pela revitalização do Porto.

Os números da reforma na Orla Conde

210 novas árvores plantadas

1.500 m² de granito recompostos

3.000 m² de paisagismo recuperados

300 novos balizadores instalados

3.243 m² de vias de granito substituídas por pavimento de concreto intertravado (mais resistente)


LEIA TAMBÉM:

Exposição de artista indígena estreia na Gamboa

Brasil ganha Libertadores. Uruguai é campeão em questões sociais

Maricá e RJ assinam acordo por Complexo Industrial de R$ 13 bi


/