Raphael Vidal abre bar de pescados e frutos do mar no Porto | Diário do Porto


Gastronomia

Raphael Vidal abre bar de pescados e frutos do mar no Porto

Nada parece deter o inquieto Raphael Vidal. Vem aí o Ginga, nova casa de pescados e frutos do mar do homem que revolucionou o Porto

7 de janeiro de 2022

Vidal vai inaugurar mais um bar no Largo São Francisco da Prainha (Foto: Pedro Reis)

Compartilhe essa notícia:


Enquanto a Ômicron e a Influenza cancelaram pela segunda vez o Carnaval de Rua do Rio, nada parece parar Raphael Vidal. Depois de em um ano abrir o Bafo da Prainha, Tendinha e o Pequeno Museu Carioca, agora é a vez do Ginga, um botequim de pescados e frutos do mar que vai servir chope direto da câmara fria do bar. O novo empreendimento com assinatura Raphael Vidal vai agitar ainda mais o fervido Largo São Francisco da Prainha, o centro de operações do homem que revolucionou a cena da Região Portuária.

A casa funcionará no sobrado antes ocupado pela ASA Açaí. O novo empreendimento segue a estratégia de ocupação do Largo, iniciada com o Bafo da Prainha, casa inaugurada em 2020 e eleita no prêmio Comer & Beber da Vejinha Rio como o melhor botequim do Rio em 2021. Pela primeira vez na história um bar da Região Portuária conquistou o prêmio.


LEIA TAMBÉM:

AquaRio, BioParque e Cristo com pacote “Super Férias”

Decreto do governo Vargas impede venda da Maison de France

Vem aí o Rio Innovation Week


O Ginga vai passar o túnel Marcelo Alencar e pegar o Aterro rumo ao Leme. Ali Vidal vai fincar os pés na areia e lançar um quiosque com nome e proposta gastronômica homônimas a do novo negócio no Porto. O da praia tem previsão de inauguração para 20 de janeiro, dia de São Sebastião, padroeiro do Rio de Janeiro. O Ginga Largo sobe as portas em 02 de fevereiro, dia de Iemanjá, a rainha dos marés e dos Portos.

“Pela rua da Prainha uma peixaria e choperia (torneiras plugadas na câmara fria) e pela rua Sacadura Cabral um clássico botequim de peixes e frutos do mar. E você vai gingando entre as duas frentes. Aqui também teremos um @ginga.rio, que nasce ao mesmo tempo na beira da praia do Leme e no pé do Morro da Conceição ainda nesse verão 22. Nossa aldeia vai tomando forma e ficando cada vez mais bonita pra cidade. Emociona. Obrigado, povo. Mais um botequim é — na pior das hipóteses — menos uma farmácia. Viva! Mamados, venceremos!” comemorou Vidal em suas redes sociais.

E Vidal não para!

E não vai parar por aí. Nos próximos meses ele pretende abrir uma padaria, a BoulangeRua, uma parceria com o amigo e padeiro Sandro Fernandes, e um botequim bunda-de-fora daqueles que só têm um balcão e um freezer para cerveja no Beco das Sardinhas. Qual o limite para Vidal? O céu. Mas o do Morro da Conceição, onde mora.


/