R$ 20 mil a R$ 1 mi: feira de franquias virtual reúne 80 redes para investir | Diário do Porto


Empreendedorismo

R$ 20 mil a R$ 1 mi: feira de franquias virtual reúne 80 redes para investir

Expo Franchising ABF Rio Virtual será de 25 de setembro a 1 de outubro. Opções vão de menos de R$ 20 mil até R$ 1 milhão. Setor está em expansão no Rio

15 de setembro de 2020

Expo Franchising ABF Rio Virtual será de 25 de setembro a 1 de outubro (Foto: Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


Após sofrer impacto no começo da pandemia, o setor de franquias vem se recuperando mês a mês. De abril a junho deste ano, o Rio de Janeiro cresceu 1% em número de redes, atingindo o patamar de 830 marcas em operação. Além disso, em unidades também expandiu 4%, com 11.601 pontos de venda. O Estado continua sendo o segundo com o maior número de redes e unidades em operação, ficando atrás apenas de São Paulo.

Quem tiver interesse sobre o setor, a Associação Brasileira de Franchising Seccional Rio de Janeiro lança a Expo Franchising ABF Rio Virtual, que será realizada de 25 de setembro a 1 de outubro, desta vez totalmente online.

O participante terá a oportunidade de conhecer algumas das 80 redes associadas, nacionais e internacionais, de todos os segmentos do setor e com investimento inicial desde menos de R$ 20 mil até mais de R$ 1 milhão.

“É um evento de retomada do Franchising. Um evento virtual como esse faz o sistema ganhar uma dimensão ainda maior, pois já é reconhecido como uma porta de entrada para o empreendedorismo e agora terá mais um canal acessível a qualquer pessoa interessada em investir. Nesse evento estamos com uma perspectiva positiva de que vamos mostrar nossa organização e abrir caminho para uma recuperação mais fonte no segundo semestre e no começo de 2021″, diz Beto Filho, presidente da ABF Seccional Rio.

Confira os setores com maior concentração de franquias:

– Alimentação (31,9%);
– Saúde, Beleza e Bem-Estar (17%);
– Moda (13,2%).


LEIA TAMBÉM

China é o principal comprador do petróleo exportado pelo Rio

Ademi-RJ: mercado imobiliário se recupera na pandemia

VLT Carioca defende moradias para recuperar o Centro


 


/