Governo cria programa para restaurar prédios históricos | Diário do Porto


CONSERVAÇÃO

Governo cria programa para restaurar prédios históricos

Os prédios históricos receberão restaurações para preservar a cultura e história dos lugares. A iniciativa busca incentivar o turismo no Rio

31 de maio de 2022

A igreja da Candelária, prédio histórico carioca, contou com a presença de D. João VI em sua inauguração (Foto: DiPo)

Compartilhe essa notícia:


O Rio de Janeiro é um berço de prédios históricos, que no lugar de guardar a memória, estão caindo em ruínas devido ao abandono e falta de conservação. Na última segunda-feira (30), o governador Cláudio Castro sancionou o Infratur, projeto que prevê investimentos para restauração das construções no Estado.

Imóveis centenários e de relevância cultural, como igrejas históricas, casarões e locais com potencial turístico e interesse social, sejam públicos ou privados, devem ser contemplados com o projeto, mediante a alguns requisitos.  Dentre elas, está o fato de ser tombado por órgão público responsável pelo patrimônio, como Iphan e Inepac; ter mais de cem anos; integrar roteiros turísticos; ter relevância cultural, esportiva ou para o turismo – seja o religioso ou de negócios.


LEIA TAMBÉM

Edifício A Noite terá novo leilão em 14 de julho

Retrofit do Hotel Glória anima moradores e comerciantes

Largo do Boticário é revitalizado por empresa da França


Intervenções realizadas nos prédios históricos

O programa prevê reformas nos equipamentos culturais para garantir acessibilidade e titulação dessas propriedades. Além disso, o fomento à cultura, visando ao desenvolvimento econômico e empregabilidade, também está em pauta. No caso de imóvel privado, a intervenção dependerá de autorização do proprietário do local.

De acordo com a lei, as intervenções serão realizadas, preferencialmente, pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras ou por suas entidades vinculadas.


/