"PIB" do Porto lança Distrito Empresarial da região | Diário do Porto


Economia

“PIB” do Porto lança Distrito Empresarial da região

“PIB” do Porto lança Distrito Empresarial. Entidade atuará para fazer do Porto Maravilha um local melhor para os negócios e para as pessoas

6 de agosto de 2021

Empresários e personalidades da região do Porto fundam Distrito Empresarial (DiPo)

Compartilhe essa notícia:


Seis de agosto de 2021. Essa data tem tudo para se tornar um marco para a Região Portuária do Rio. O “PIB” do Porto Maravilha, formado por grandes empresas, médios e pequenos negócios instalados na área, se reuniu na manhã desta sexta-feira para oficializar a criação do Distrito Empresarial do Porto (DEP-RJ).

Trata-se de uma entidade criada para captação de novos negócios, qualificação dos empreendimentos existentes e valorização econômica, social e arquitetônica de uma região que antes da chegou a receber cinco milhões de pessoas. Na cidade só Copacabana atrai mais visitantes. E ainda assim por conta do Réveillon, que sozinho reúne mais de dois milhões de visitantes

Trinta e uma empresas assinaram a ata de fundação do DEP-RJ. Outras 11 devem aderir em breve. A grande ausente mais uma vez foi a Caixa Econômica Federal. Convidado para a cerimônia de fundação da entidade, o banco público que gastou R$ 3,5 bilhões do FGTS em títulos imobiliários, os chamados, Cepacs, e na aquisição de 400 mil metros quadrados de terrenos na região e se comprometeu a repassar cerca de R$ 6,5 bilhões em 15 anos para finalizar as obras e custear os gastos com serviços públicos, e nada fez até agora, não compareceu à reunião.

Mas o aparente desinteresse da Caixa não diminui a importância da iniciativa que promete revolucionar o ambiente de negócios do Porto Maravilha. Essa é a expectativa de Armando Iazzetta, o primeiro presidente empossado da associação.

“Foi gratificante ver hoje mais de 30 líderes locais de diferentes setores da economia reunidos com o objetivo de trabalhar coletivamente em prol do desenvolvimento socioeconômico da região. Tenho convicção que este grupo, que já começa grande e engajado, contribuirá muito para a consolidação econômica do Porto, sempre priorizando valores como inclusão social e sustentabilidade.” afirma Iazzetta, que é também diretor de investimentos da OR e responsável pelo empreendimento imobiliário Novocais do Porto.

Na reunião, realizada no condomínio empresarial Porto Atlântico, também foram empossados os primeiros diretores e membros do Conselho Fiscal e dos Comitês de Comunicação e Projetos da entidade. A diretoria executiva terá Iazzetta como diretor-presidente; Cláudio Castro-diretor vice-presidente (Sérgio Castro Imóveis); Thiago Hiroshi-diretor de relações Institucionais e Governamentais (Núcleo de Ativação Urbana/NAU); Denise Lima-diretora administrativa financeira (Pier Mauá); Marcelo Miguez-diretor de segurança institucional (L’Óreal).

O Conselho Fiscal será formado por Marco Cardoso como conselheiro titular (GMP Properties) e Eduardo Olio na suplência (GMP Properties). Foram também empossados os membros dos dois Comitês criados até o momento. O de Comunicação terá Claudio Castro (Sergio Castro Imóveis), Bruno Bartholini (CDURP), Ricardo Cadila (Tishman Speyer), Marcia Fonseca (Colliers Brasil), Rafael Ponzi (Clube do Empreendedor), Moni Abreu (Cafeteca), Antonio Carlos Teixeira (Diário do Porto). O de Projetos será composto por Eduardo Miguez (Cia Docas), Thierry Botto (Cushman Wakefield), Thiago Hiroshi (NAU), André Seixas (Logística Brasil), Roberto Kreimer (Kreimer Engenharia), Ricardo Cadila (Tishman Speyer), Manoel Browne (AquaRio/Cataratas), Vinicius Tinoco (Ocyan Offshore), Leonardo Valente (Ocyan Offshore), Leonardo Ribeiro (Clube do Empreendedor).

Distrito “estreia” organizando evento

No início do seu trabalho, o DEP-RJ focará sua atuação em três grandes frentes. São elas: comunicação integrada para desenvolver e fortalecer a imagem da região no imaginário coletivo da cidade; projetos e parcerias inovadoras na área de segurança pública com o objetivo de criar um ambiente mais agradável e seguro para os usuários e estabelecer uma agenda de governança participativa público-privada entre os players da região e os entes governamentais.

No próximo dia 27, o Distrito Empresarial do Porto fará seu debut para o público externo. A entidade é parceira do Clube do Empreendedor na organização do II Fórum de Soluções para o Porto Maravilha. Durante o evento, a diretoria do grupo fará uma apresentação mostrando quais são seus princípios, metas e valores. O prefeito Eduardo Paes confirmou presença.


LEIA TAMBÉM:

Cury prepara 3º torre do Rio Wonder Mauá

Distrito Empresarial do Porto sai do papel

Feira da Lavradio em pauta na Câmara dos Vereadores