Turismo

Pandemia de coronavírus encerra a temporada de navios

A temporada de navios 2019/2020 bateu recordes de turistas, mas o coronavírus fez com que ela chegasse ao fim antes do previsto

17 de março de 2020
Empresas de navegação de turismo estão tomando medidas para evitar contaminação nas embarcações (Foto: Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


O encerramento da maior temporada de navios dos últimos 20 anos foi comprometida pelo coronavírus. Depois de o Ministério da Saúde ter determinado que os cruzeiros turísticos fossem adiados, o governador do Rio, Wilson Witzel recomendou a suspensão de todas as viagens . Em comum, as duas autoridades tiveram o objetivo de diminuir as chances de contaminação, posto que os navios são ambientes de confinamento, com pessoas de diferentes lugares do mundo.

No Píer Mauá, no Porto Maravilha, o navio Insignia partiu sem passageiros, no último domingo, depois que a empresa que o controla, a Oceania Cruises, cancelou novos cruzeiros. A mesma decisão de encerrar as operações foi tomada pelas companhias marítimas Costa Cruzeiros, Carnival Cruise Lines, Norwegian Cruise Line e Royal Caribbean.

A MSC Cruzeiros alterou o embarque de viagens que partiriam de Gênova, Itália, para Marselha, França, e antecipou o fim do cruzeiro MSC Fantasia. A companhia marítima também cancelou todas as viagens até o mês de abril, incluindo os cruzeiros que passam pelo Brasil: MSC Sinfonia, MSC Musica, MSC Poesia e MSC Seaview.


LEIA MAIS

Governador anuncia emergência para combater coronavírus

VLT, Supervia e Rodoviária se preparam contra o coronavírus

Porto Maravilha é destaque no workshop Transformações Urbanas


O mundo começou a se preocupar com a possível contaminação por coronavírus em transatlânticos depois que o navio Diamond Princess, da Princess Cruises, com 3.700 passageiros, ficou em quarentena no porto de Yokohama, no Japão, durante o mês de fevereiro. A embarcação teve mais de 300 casos de Covid-19, a doença causada pelo coronavírus.

No Brasil, na última quinta-feira, 12, o navio Silver Shadow, da companhia Silversea Cruises, ficou retido no porto de Recife. Um passageiro canadense, de 78 anos, foi retirado da embarcação e diagnosticado com Covid-19. No dia seguinte, uma passageira irlandesa também apresentou os sintomas da doença e foi retirada do navio. Este navio também passou pelo Rio de Janeiro, nas cidades de Paraty e Búzios.

Mesmo encerrando antes do previsto, a temporada de navios 2019/2020 foi um sucesso por ter trazido milhares de turistas para o Rio de Janeiro. A boa imagem causada pelo Porto Maravilha e pela recepção dada aos passageiros são atrativos para que a próxima temporada traga novamente bons ventos para a cidade.