Nove entre dez empresas do Rio são pequenos negócios | Diário do Porto


Empresas

Nove entre dez empresas do Rio são pequenos negócios

Segundo Sebrae Rio, 92% das empresas do estado são pequenos e médios negócios. Levantamento aponta ainda que 43% dos empreendimentos estão na capital

29 de outubro de 2021

Setor de serviços concentra maior número de empresas do Rio (Foto: Deposit Photos)

Compartilhe essa notícia:


Segundo último levantamento realizado pelo Sebrae Rio, o Estado conta com mais 1,7 milhão de empresas exercendo suas atividades. Desse total, 65% correspondem aos microempreendedores individuais, 22% são microempresas, 4% empresas de pequeno porte e 8% representam as médias e grandes empresas. O estudo aponta ainda que o estado é o terceiro do país em número de pequenos negócios, correspondendo a 9% do segmento no Brasil. Nos últimos dois anos, a taxa de empreendedorismo potencial saltou de 30% para 53%.

“O país vem tendo uma maior variação da taxa de Empreendedorismo Potencial quando comparado com outras economias do mundo. O Rio de Janeiro tem 92 municípios, além da capital. Esse vasto território possui vocações e riquezas únicas. Por isso, oportunidades de negócios estão surgindo a todo o momento. Abrir uma empresa é fácil. O difícil é mantê-la funcionando. Com as novas tecnologias disponíveis, o empreendedor vem buscando capacitações para aprimorar seu modelo de negócio”, explica o analista do Sebrae Rio, Felipe Antunes.

Dos pequenos negócios em funcionamento, 43% estão na capital, 17% na Baixada, 11% no Leste Fluminense, 7% na Região Serrana, 6% na Região dos Lagos, 5% no Médio Paraíba, 5% no Norte Fluminense, 2% na Costa Verde, 2% no Noroeste Fluminense e 2% no Centro-Sul.


LEIA TAMBÉM:

Maricá lança megacomplexo turístico e residencial

Buser e Prefeitura em guerra no Porto

Rio é candidato à sede do Web Summit


As empresas por setor

Quarenta e sete por cento das empresas em atividade no Rio de Janeiro são ligadas ao setor de serviços. Na sequência vem o comércio, com 27%, seguido de perto pela indústria com 17%. Já a economia criativa e o turismo aparecem com 4% cada um. Para fechar a lista, a agropecuária aparece com um 1%.

O Sebrae Rio fez um ranking com as cinco principais atividades exercidas por segmento de pequenos negócios (MEI, microempresa e empresa de pequeno porte).

MEI

Cabeleireiros, manicure e pedicure;

Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios;

Fornecimento de alimentos preparados preponderantemente para consumo domiciliar;

Obras de alvenaria;

Promoção de vendas.

Microempresa

Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios;

Lanchonetes, casas de chá, de suco e similares;

Restaurantes e similares;

Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios – minimercados, mercearias e armazéns;

Serviços combinados de escritório e apoio administrativo.

Pequeno porte

Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios;

Restaurantes e similares;

Atividade médica ambulatorial restrita a consultas;

Atividades de consultoria em gestão empresarial exceto consultoria técnica específica;

Lanchonetes, casas de chá, de suco e similares.