Maricá premia projetos da Escola de Startups | Diário do Porto


Tecnologia

Maricá premia projetos da Escola de Startups

Prefeitura de Maricá entregou os certificados e premiou os sete projetos mais bem avaliados no centro de capacitação tecnológica da cidade

2 de dezembro de 2021

Maricá premia alunos mais inovadores (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Compartilhe essa notícia:


A Prefeitura de Maricá entregou os certificados de qualificação da Escola de Startups de Maricá (ESM). Foram premiados os sete melhores projetos de negócio desenvolvidos no centro de capacitação. No total, 34 alunos concluíram o curso entre estudantes do Passaporte Universitário e empreendedoras do grupo Colmeia (que inclui apenas mulheres com mais de 45 anos).

A iniciativa, uma parceria da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) e da Universidade Federal Fluminense, tem o intuito de capacitar os empreendedores da cidade e impulsionar ideias inovadoras. No projeto, são desenvolvidos negócios que agregam valor à realidade local e geram mais empregos, tornando a economia do município mais dinâmica.

Atualmente, estão sendo estudadas formas de apoio ao desenvolvimento dos melhores projetos e a criação das startups. São considerados estratégicos aqueles que tratam de reciclagem e resíduos sólidos, temas de relevância para o contexto maricaense.


LEIA TAMBÉM:

Baía limpa irá valorizar imóveis na Ilha do Governador e Paquetá

Sesc RJ levará espírito do Natal a dez cidades do estado

CCBB RJ inaugura Floras: instalação virtual mutante


ESM busca tornar Maricá referência em inovação tecnológica

A Escola de Startups de Maricá busca trazer desenvolvimento tecnológico contínuo à cidade de Maricá. A instituição integra o Parque Tecnológico Municipal, projeto que pretende tornar Maricá um Hub de Inovação de referência na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

A ESM foca em pequenos empreendedores, orientando ações, oferecendo suporte para os primeiros passos, ampliando a visão de negócio e preparando também para as adversidades. A escola capacita as turmas analisando os perfis dos alunos para estabelecer metodologias de ensino otimizadas.

As pesquisas, diagnósticos e estudos do projeto possibilitaram a capacitação e formação das primeiras turmas de empreendedores. O objetivo é estabelecê-los na cidade, criando oportunidades de negócios sustentáveis a longo prazo. No momento, a maior parte das capacitações da ESM são oferecidas remotamente Ainda não há previsão para a inauguração da sede física da Escola de Startups.