Labi chega ao Centro com exames a preços populares | Diário do Porto


Empresas

Labi chega ao Centro com exames a preços populares

Unidade da Labi Exames, na Rio Branco 156, é uma das 4 abertas este mês no Estado pela rede. Empresa mira expansão junto a público sem plano de saúde

24 de junho de 2021

Labi Imagem Centro funciona no Edifício Avenida Central (Foto: Diulgação)

Compartilhe essa notícia:


Reportagem de Rosayne Macedo

O Centro do Rio acaba de ganhar um novo laboratório de análises clínicas, confirmando a vocação da região para equipamentos de saúde. A abertura da Labi Exames, na semana passada na Avenida Rio Branco 156 (prédio da Avenida Central), faz parte da estratégia de crescimento da rede, que anuncia mais três unidades no Estado do Rio em junho: Campo Grande, na zona oeste, e Botafogo, na zona sul, e Niterói. A previsão da rede é inaugurar 21 novos laboratórios em 2021, sendo mais 17 no Rio. Até então, havia unidades apenas em Copacabana e na Taquara.

Ao DIÁRIO DO PORTO, o presidente do Labi Exames, Marcelo Noll Barboza, disse que a rede foi criada para “descomplicar o acesso a vacinas e exames de qualidade”, com preços acessíveis. Na empresa, vacinas da gripe tetravalente são vendidas a R$ 85. Há exames de sangue que custam R$ 10.

A escolha da empresa pelo Centro do Rio, para uma das novas unidades, é fruto de uma estratégia que mira o público sem planos de saúde. Segundo Barboza, essas pessoas “somam cerca de 8 milhões na Região Metropolitana do Rio e acreditamos que, estando localizados no Centro, teremos como atender uma parcela importante dessa população”. Como diferencial, a Labi se apresenta como a primeira rede de laboratórios a oferecer no Estado uma experiência totalmente digital, com venda e agendamento on-line, e atendimento domiciliar para exames e vacinas,

No Centro do Rio, a unidade do Labi funciona para coleta de exames de segunda a sexta-feira, das 7h às 15h, e aos sábados, das 7h às 12h. A retirada de resultados acontece de segunda a sexta, das 7h às 16h, e sábado, das 7h às 13h. A coleta de teste de coronavírus (antígeno) é feita de segunda a sexta-feira, das 12h às 16h, e sábado, das 12h às 13h. As outras unidades ficam em Niterói (Av. Ernani do Amaral Peixoto 300 – Centro), Campo Grande (Av. Cesário de Melo 3600) e Botafogo (Rua Voluntários da Pátria 53).


LEIA TAMBÉM:

Presidente da Alerj vê riscos no Santos Dumont

Centro do Rio reage. Bar Luiz e Rio Scenarium estão de volta

Sesc RJ na Estrada exibe o charme da vila de Secretário, em Petrópolis


Labi quer chegar a 17 unidades no RJ

 

Unidade da Taquara oferece exames e check-ups a partir de R$ 10 (Foto: Divulgação)

A ampliação no Rio e Grande Rio e no interior do Estado de São Paulo são objetivos principais da empresa neste ano. Somando os novos empreendimentos, o Labi passará a ter 22 unidades nas cidades de São Paulo, Osasco, Santo André, Guarulhos, Diadema, Rio e Niterói. A longo prazo, a rede prevê presença nas 27 regiões metropolitanas do país, que concentram mais de 1 milhão de habitantes.

“A chegada da pandemia, em 2020, fez com que colocássemos nossa expansão geográfica em espera. Durante esse período, crescemos muito na operação domiciliar e no atendimento a empresas. E, nesse contexto, vimos a importância da expansão com novas unidades para a apoiar essas operações em novas regiões”, explica o executivo.

Segundo Barboza, a estratégia de expansão visa integrar cada vez mais a experiência que os clientes têm no digital, nas unidades e no atendimento domiciliar. “Hoje, metade das vendas do laboratório ocorre por meio de sua plataforma on-line e com agendamento para atendimento domiciliar. A ideia é que ele possa utilizar todos os nossos serviços, da forma que melhor lhe convier no momento”, afirma o executivo.