Filhos de Paulinho da Viola fazem show no Youtube do Sesc | Diário do Porto


Dica do Dia

Filhos de Paulinho da Viola fazem show no Youtube do Sesc

 Filhos do genial compositor portelense fazem show virtual nesta sexta-feira com canções de amor assinadas pelo pai no Youtube do Sesc SP

30 de setembro de 2021

Beatriz e João vão interpretar canções de amor do pai em show no Youtube (divulgação)

Compartilhe essa notícia:


 A cantora Beatriz Rabello e o violonista João Rabello estão novamente juntos no espetáculo “Coisas do amor, na canção de Paulinho da Viola”, um projeto só com músicas do pai da dupla, o próprio Paulinho.

Logo no início da turnê do espetáculo, no começo de 2019, Beatriz e João tiveram que cancelar os shows programados, por causa da pandemia. Agora, eles retornam em uma live sem público sexta-feira, às 19h, pelo Instagram do @sescaovivo e no canal do Sesc SP no YouTube.

Para essa apresentação, Beatriz e João selecionaram canções de Paulinho que falam de amor, como “Dança da solidão”, “Para um amor no Recife”, “Foi um rio que passou em minha vida” e “Bloco do Amor”.

Será que vai ter Paulinho?

Dessa vez o pai não deve participar da apresentação, como já fez em outras ocasiões nos tempos pré-pandêmicos. Uma delas foi em fevereiro de 2019, no palco do Teatro do Sesc Palladium, em Belo Horizonte, nas vésperas do Carnaval daquele ano.

Beatriz iniciou carreira, em 2008, interpretando Elizeth Cardoso no musical Divina Elizeth. A partir de então, seguiu com uma intensa história integrando os musicais “Sassaricando – E o Rio Inventou a Marchinha”, “É Com Esse Que Eu Vou, Zeca Pagodinho – Uma História de Amor ao Samba” e outros. Sua extensa relação com o samba culminou no lançamento do primeiro disco solo, Bloco do Amor (2006), que resultou no show de mesmo nome.

O violonista João surgiu com o disco de estreia Roendo as Unhas (2006) e seguiu com o autoral Uma Pausa de Mil Compassos (2011). João é solista, arranjador e compositor, apresentou seu violão em festivais e salas de concerto em países como Austrália, Holanda, Estados Unidos e Argentina. Apenas ao lado do pai é que faz o violão de acompanhamento, fugindo de suas principais características.


LEIA TAMBÉM:

Alerj entra na campanha do Outubro Rosa

Rio ganha Museu do Pontal

Tecnologia de ponta para sistemas de água e esgoto


/