Em 30 dias, Águas do Rio faz mais de 4 mil serviços na região leste do RJ | Diário do Porto


Saneamento

Em 30 dias, Águas do Rio faz mais de 4 mil serviços na região leste do RJ

Implantação de ligação de água, reparos de vazamentos, desobstruções e consertos de redes de esgoto estão entre os serviços mais solicitados pela população

10 de dezembro de 2021

Em pouco mais de um mês de operação, Águas do Rio realizou mais de quatro mil serviços na Região Leste do RJ (divulgação)/Águas do Rio)

Compartilhe essa notícia:


Com pouco mais de um mês do início da operação oficial dos serviços de água e esgoto na região leste do estado do Rio de Janeiro, a Águas do Rio realizou um balanço das atividades desenvolvidas nas cidades de São Gonçalo, Itaboraí, Maricá, Tanguá e no 3º Distrito de Saquarema. Mais de quatro mil serviços já foram executados, entre eles: reparos de vazamentos em redes e ramais de distribuição, desobstruções e reparos de redes de esgoto e alterações cadastrais.

“Sabemos que cada município tem a sua particularidade, seus desafios e ainda temos muito trabalho pela frente. No entanto, esse resultado, em pouco tempo, reafirma o foco da nossa equipe em transformar a realidade dos cidadãos que enfrentam problemas com o saneamento. Estamos sempre atentos para atuar prontamente no que for necessário”, afirma Rafael Fendrich, diretor executivo da Águas do Rio na região.

Troca de titularidade  e novas ligações de água são serviços mais pedidos

Durante o mês de novembro, mais de dois mil usuários passaram pelas lojas comerciais da concessionária, boa parte para troca de titularidade e solicitação de nova ligação de água.

Além dessas ações, a Águas do Rio está desenvolvendo em torno de 100 obras nas 27 cidades onde atua, com previsão para conclusão nos próximos 3 meses. O grande desafio da empresa é a limpeza da Baía de Guanabara. rá investir R$ 2,7 bilhões nos próximos cinco anos na despoluição do grande complexo aquífero.

O objetivo da concessionária é realizar um cinturão de proteção em torno da Baía de Guanabara e tratar 90% do esgoto despejado nela até 2033. Dos municípios banhados por ela, apenas Guapimirim e Niteroi estão fora da área de concessão da empresa. A Águas do Rio pretende “abraçar” a Baía, referência ao fato de ser a empresa que atende o maior número de cidades na região.


LEIA TAMBÉM:

Fecomércio RJ: Natal deve movimentar R$ 4,6 bilhões na economia do RJ

Paes diz que ministro prejudica o Rio e beneficia SP

Museu do Porto recebe mostra de cinema antirracista

 


/