Exposição

E Basquiat arrasou, com 850 mil visitantes no CCBB

Mostra de Basquiat atraiu 380 mil para o CCBB Rio, última parada. O Programa Educativo do CCBB atraiu mais de 45 mil pessoas para interagir com as obras

15 de janeiro de 2019
Obra de Basquiat na exposição do CCBB Rio

Compartilhe essa notícia em sua rede social:

Obra de Basquiat na exposição do CCBB Rio

A mostra Jean-Michel Basquiat, considerada pelo Guia da Folha de S. Paulo como a melhor do ano de 2018 no país, foi vista por 850 mil pessoas em São Paulo, Brasília, Belo Horizonte e Rio. No CCBB Rio, as obras ficaram expostas até o dia 7 deste mês. Nem o calor de 40 graus na fila fez o povo arredar pé da visitação. Foram quase 380 mil visitantes, sendo 10 mil no último dia, superando todas as expectativas.

O Rio foi a última das quatro cidades a receber as obras do artista norte-americano. O Programa Educativo do CCBB atraiu mais de 45 mil pessoas para interagir e descobrir novas percepções sobre as obras.

Além de sucesso de público – que a consagrou como a melhor do ano na enquete do Guia da Folha -, a mostra foi aplaudida pela crítica. O curador, Pieter Tjabbes, ressaltou a “recepção calorosa por parte da imprensa” e a lotação das praças pelas quais a exposição passou.

“O que me deixa particularmente feliz é que temos bastante visitantes da periferia, muitas vezes pessoas que ainda não tem o hábito de visitar o CCBB. Isto é uma das vocações da instituição e da nossa empresa Art Unlimited: democratizar o acesso à Cultura”, acrescentou Tjabbes.

Com mais de 80 peças, entre quadros, desenhos, gravuras e pratos pintados, a retrospectiva foi concebida com obras da família Mugrabi, dona das maiores coleções de Basquiat e também de Andy Warhol. A vinda desse acervo tão qualificado ao Brasil, em quatro capitais, levou cerca de dois anos de negociações.

Compartilhe essa notícia em sua rede social: