Dia das Mães será melhor para comércio que em 2020 | Diário do Porto

Comércio

Dia das Mães será melhor para comércio que em 2020

Levantamento do IFec RJ indica que 61,8% querem comprar presentes no Dia das Mães, o que deve injetar R$ 1,2 bilhão no comércio do Rio de Janeiro

27 de abril de 2021
Dia das Mães: comércio melhora, mas segue longe do normal (Deposit Photos)


Compartilhe essa notícia:


O segundo Dia das Mães em plena pandemia não vai ser tão ruim para o comércio como o primeiro, mas ainda bem inferior à movimentação de 2019. Segundo o IFec RJ, instituto de pesquisa da Fecomércio RJ, o índice de consumidores fluminenses com a intenção de presentear na data é de 61,8% este ano. No ano passado, a pesquisa apontou um percentual de 55,8%. Bem longe, ainda, da porcentagem de 2019, que foi de 80%.

O “ticket médio”, ou seja, o valor que cada consumidor imagina gastar na data é de cerca de R$ 143,10, o que aponta para uma movimentação de R$ 1,2 bilhão na economia do Estado do Rio de Janeiro. É um ticket menor do que os dois dois anteriores: R$ 150,48 no ano passado, e R$ 167,26 em 2019.

38,2% sem presentes no Dia das Mães

O percentual dos que não pretendem comprar presentes na data corresponde a 38,2%. No ano passado, foi bem maior: 44,2%. No ano anterior ao do início da pandemia, só 20% não tinham essa intenção. A maioria (57%) disse que a falta de intenção de compra está relacionada ao agravamento da pandemia.

Entre os itens escolhidos para presentear as mães, estão: roupas (31,7%), perfume/cosméticos (30,6%), calça/bolsa ou acessórios (23,1%), cestas de café da manhã (17,2%), flores (11,8%), joias/bijuterias (11,3%), bolos/ chocolates (9,7%) e smartphones (5,9%).

A sondagem mostra, ainda, que 30,6% dos consumidores vão comprar mais de um tipo de presente. Em relação ao tipo de loja, 39,1% devem recorrer às físicas, 32,1% às onlines e 28,8% pretendem comprar nos dois formatos. A sondagem ocorreu entre 21 e 23 de abril junto a 435 consumidores.


LEIA TAMBÉM:

Fecomércio RJ apoia lojistas em vendas pela internet

Porto do Açu libera 1 milhão de tartarugas, em 12 anos

Sebrae Rio vai capacitar 200 mulheres empreendedoras