Cury antecipa 3ª fase do Rio Wonder e atrai multidão ao Porto | Diário do Porto

Imóveis

Cury antecipa 3ª fase do Rio Wonder e atrai multidão ao Porto

Lançamento da 3ª Torre do Rio Wonder atraiu dezenas de interessados ao estande da Cury no Porto. Alta procura antecipou início das vendas do empreendimento

10 de setembro de 2021


Clientes lotam estande da Cury no lançamento da 3ª fase do Rio Wonder (foto: DiPo)


Compartilhe essa notícia:


Uma grande movimentação de pessoas está agitando o estante de vendas do Rio Wonder, instalado esquina da rua Equador com avenida Professor Pereira Reis, no Santo Cristo, Região Portuária do Rio. O motivo é a antecipação da terceira fase do empreendimento da construtora Cury, o primeiro residencial do Porto Maravilha.

O sucesso das duas primeiras fases, todas 851 unidades foram vendidas em poucos dias, acelerou os planos da incorporadora, que inicialmente pretendia iniciar a comercialização da terceira torre no final de novembro ou início de dezembro, de acordo com informação do vice-presidente da Cury, Leonardo Mesquita, à reportagem do Diário do Porto durante o 2º Fórum Empresarial do Porto, evento realizado há duas semanas.

A incorporadora deu o nome de Cais do Valongo à terceira torre do condomínio, em respeito ao sítio histórico localizado a poucos quarteirões dali, onde cerca de um milhão de escravos chegaram a bordo de navios negreiros vindos da África. O local é considerado Patrimônio da Humanidade, pela Unesco.


LEIA TAMBÉM:

Petrobras, Firjan e Estado se unem para viabilizar Polo GasLub

Maricá receberá campus da Veiga de Almeida

Ranking britânico elege UFRJ melhor universidade do Brasil


Rio Wonder trará 3 mil novos moradores ao Porto

A terceira torre contará com 370 apartamentos. O mais barato, versão estúdio com 31m² e sem vaga de garagem, custa a partir de R$ 225 mil. Na primeira fase de vendas uma unidade de mesmo padrão saia por R$ 191 mil. A mais cara, com 51m², suíte, duas varandas e vaga de garagem, está com preço de saída na faixa de R$ 415 mil. Cerca de 30% das unidades são destinadas a investidores.

Se 70% dos 1.221 novos apartamentos forem ocupados por famílias, o Porto terá quase 3.000 novos moradores até 2024, prazo da entrega do empreendimento aos seus novos proprietários. A Cury planeja o começo das obras para o início de 2022. A maioria dos operários contratados para a construção das três torres do Rio Wonder deverá ser das comunidades do Porto, especialmente dos morros do Pinto e da Providência.