Crivella começa a recolher moradores de rua | Diário do Porto


Geral

Crivella começa a recolher moradores de rua

Ação de ordenamento levou 74 moradores de rua para abrigos e hotéis urbanos no centro. Primeira operação foi acompanhada pelo prefeito Crivella

13 de agosto de 2019



Compartilhe essa notícia:


O prefeito Marcelo Crivella acompanhou na noite desta segunda-feira (12) uma operação de abordagem e recolhimento de moradores de rua. Foi no centro da cidade. Os sem teto foram levados para abrigos públicos. A operação tem como objetivo atender demandas por limpeza, reparo de calçadas, iluminação, combate ao comércio irregular, poda de árvores e recuperação de monumentos públicos.

Essa é a primeira ação da prefeitura após o decreto nº 46.314, no qual Marcelo Crivella instituiu a internação involuntária de pessoas viciadas no uso de álcool e drogas e que vivem nas ruas.

Operação abordou 74 moradores de rua (Foto: Marcos de Paula/Prefeitura)

LEIA TAMBÉM:

Uma receita simples para Witzel e Crivella no Porto

Desordem na Central do Brasil: promessa no papel

Denise Lima, do Píer Mauá: “Não vamos deixar o VLT parar”


De acordo com as informações da prefeitura, nas cinco primeiras horas de atuação, assistentes sociais acolheram 74 pessoas em situação de rua. Quarenta e seis foram levadas para hotéis sociais, e as outras 28, para abrigos públicos. Além disso, 6,8 toneladas de entulho foram recolhidas, quase 300 mercadorias vendidas irregularmente apreendidas, e nove carros, rebocados.

O largo da carioca tem uma grande concentração de moradores de rua
O centro de controle da operação ficou no Largo da Carioca (Foto: Marcos de Paula/Prefeitura )

A Polícia Militar, que apoia a operação, informou que um foragido foi detido e encaminhado à 5ª DP. Encontraram nove facas, uma tesoura e cinco barras de ferro durante as abordagens aos moradores de rua.

A operação de ordenamento urbano no centro foi ordenada pelo próprio prefeito Crivella no último domingo. Segundo a prefeitura, toda a região foi mapeada, e a ação na região deve durar a semana toda.