Como escrever TCC sobre alienação parental | Diário do Porto


Especial

Como escrever TCC sobre alienação parental

Aprenda a escrever uma monografia sobre alienação parental, situação na qual um dos pais dificulta a relação dos filhos com o outro

13 de junho de 2022

A alienação parental acontece quando um dos pais faz de tudo para dificultar a relação dos filhos menores com o outro pai

Compartilhe essa notícia:


A alienação parental é quando um genitor faz de tudo para dificultar a convivência do filho menor com o outro genitor. Quando um pai ou mãe usa o filho que tem menos de 18 anos para influenciar negativamente a vida do menor com o outro pai.

Parece haver um consenso doutrinário de que a guarda compartilhada é uma forma viável de acabar com a alienação parental, pois com a divisão de deveres e responsabilidades e a convivência das famílias como iguais, os pais não precisarão mais estar em constante conflito por seus filhos.

A pensão alimentícia é um valor pago sob um acordo pessoal ou uma ordem judicial. Esse valor inclui moradia, alimentação, lazer, educação, necessidades de saúde, etc. Muitas vezes o pai que possui a maior parte da guarda não a recebe corretamente e, por sentir raiva ou outro sentimento negativo sobre o outro genitor, influencia a criança a desgostar dele.

Alienação parental aos olhos da justiça brasileira

Por lei, a justiça considera AP “o processo de programar uma criança para que odeie um de seus genitores sem justificativa, de modo que a própria criança ingressa na trajetória de desmoralização desse mesmo genitor.”

Para contornar esse problema, durante o governo Lula foi criada a Lei da Alienação Parental. Durante o documento, a justiça considera exemplos de alienação parental:

I – Fazer campanha para abolir a conduta dos pais no exercício da paternidade ou maternidade;

II – dificultar o exercício do poder paternal;

III – dificulta o acesso da criança ou do adolescente aos pais;

IV – Dificuldade no exercício do direito previsto à convivência familiar;

V – Omitir deliberadamente dos pais informações pessoais relevantes sobre a criança ou jovem, incluindo mudanças escolares, médicas e de endereço;

VI – Fazer falsas denúncias contra pais, parentes ou avós para impedir ou dificultar sua convivência com crianças ou jovens;

VII – Deslocamento injustificável de residência para local remoto destinado a dificultar a convivência da criança ou do jovem com o outro genitor, seus parentes ou avós.

Porém, cada caso deve ser analisado de forma individual. Além disso, as punições e consequências de um ato comprovado de alienação parental podem chegar a perda de guarda da criança pelo pai ou mãe abusivo, apoio psicológico à criança afetada e outros.

Para averiguar cada caso, a justiça basicamente faz uma perícia e também responde a um questionário com o menor de idade, em forma de entrevista.

Como escrever uma monografia sobre alienação parental?

As monografias são o tipo mais comum de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) nas universidades. Esta é uma forma de apresentar o trabalho realizado pelo curso, que é a principal diferença entre um TCC e uma monografia. É um trabalho científico para um debate aprofundado, análise e investigação de um tópico específico.

Muitos universitários têm medo do TCC, mas não há o que temer, se feito de forma organizada e divido em partes menores, é possível matar esse monstro sem grandes dificuldades. Aqui é um passo a passo de como fazer uma boa monografia.

Alienação Parental é um excelente tema e cada vez mais pessoas se interessam sobre o assunto. É importante que esse tema tenha destaque na nossa sociedade, para que um país mais sadio se desenvolva e, profissionais engajados e bem informados sobre o tema são uma parte essencial nesse processo.

  1. Escolha um tema mais específico.

Uma área interessante de se observar são temas relacionados a TCC sobre alienação parental.

Alguns assuntos bons que podem ser sobre a síndrome da alienação parental e seus aspectos jurídicos e sociais ou algo relacionado ao papel dos avós e como eles podem gerar alienação parental.

  1. Planeje bem o tempo que você tem disponível.

Antes de começar o trabalho você precisa saber com quanto tempo pode contar. Divida os passos aqui apresentados de acordo com sua disponibilidade.

  1. Monte a estrutura.

Conheça as partes essenciais da monografia, desde o pré-projeto de TCC até como fazer as referências no final do seu projeto de pesquisa.

  1. Comece a rascunhar.

No inicio, não se preocupe com os erros de português, é muito melhor ir escrevendo e apenas corrigir os defeitos do seu trabalho depois, pois demanda muito menos energia dos universitários. Escrever é uma ótima maneira de desenvolver habilidades que influenciam outras áreas da vida.

Ao contrário do que muitos pensam, vale sim a pena se esforçar e escrever um TCC de qualidade. Capacidade de falar em público, lidar bem com prazos, e ser um profissional que é um verdadeiro solucionador de problemas. Uma boa monografia pode levar a publicação do seu artigo e outras coisas que impulsionam uma carreira e garantir um futuro melhor.

 


LEIA TAMBÉM:

Sesc RJ na Estrada surfa na praia de Itaúna, em Saquarema

Alerj investiga a Enel, cuja concessão expira em 2026

UFRJ se mantém como a melhor universidade federal do Brasil

 

 


/