FotoRio destaca cobertura fotográfica da pandemia | Diário do Porto


Exposição

FotoRio destaca cobertura fotográfica da pandemia

Trabalho do premiado coletivo Covid Latam, sobre a vida na pandemia, é um dos destaques do FotoRio, um dos principais festivais internacionais de fotografia

21 de maio de 2021

A foto de Ana Carolina Fernandes, do premiado coletivo Covid Latam, é um dos destaques do festival FotoRio (Foto: Ana Carolina Fernandes)

Compartilhe essa notícia:


Durante um ano, 18 fotógrafos de 14 países da América Latina, três deles, brasileiros, documentaram o avanço da maior crise sanitária que se abateu sobre o planeta. O coletivo de fotógrafos Covid Latam ganhou o prêmio FotoEvidence Book World Press Photo como melhor projeto online de cobertura da pandemia e também o Picture of The Year Latam (POY Latam). O trabalho, que vai virar livro em breve, é um dos destaques do FotoRio, um dos mais importantes festivais de fotografia da América Latina, que acontece de maio a junho.

Esta 13ª edição, de 24 de maio a 27 de junho, será em formato virtual na maior parte da sua programação – apenas duas exposições e uma projeção acontecem de forma presencial. Na sexta-feira, 28, às 11h, para falar sobre o projeto Covid Latam, a fotógrafa carioca Ana Carolina Fernandes – única brasileira e carioca no coletivo (os outros são os paulistas Victor Moriyama e Rafael Vilela) conversa com os fotógrafos Paulo Marcos, Erika Tambke e Joana Mazza.

No total, serão seis exposições inéditas, duas oficinas, quatro rodas de conversas, quatro fóruns de debates, uma semana dedicada ao fotolivro, homenagens, projeção, além da Semana de Ocupação Visual. Tudo em dois meses para imergir na arte da fotografia. A abertura virtual acontece na segunda, 24, de 18h15 às 20h30, com a mexicana Graciela Iturbide e o brasileiro Anderson Valentin. Eles presenteiam o público com duas exposições lambe-lambe, com fotos espalhadas pelos muros da zona sul e do centro da cidade do Rio de Janeiro.

LEIA TAMBÉM

Casa França-Brasil celebra 200 anos com nova exposição

Centro Cultural Light comemora 27 anos com exposição do Rio antigo

Orla carioca ganha exposição com imagens do Rio Antigo

RataoDiniz
Fotógrafo retrata a vida nas comunidades cariocas e a bela vista do morro (Foto: Ratão Diniz)

Homenagens a fotógrafos

Entre os destaques desta 13ª edição, está a exposição em homenagem ao mestre do fotojornalismo Flávio Damm, que apresenta imagens inéditas do fotógrafo gaúcho morto no ano passado, aos 92 anos. No sábado, 29, das 11 às 12h30, outras feras da arte da fotografia que faleceram no último ano, também serão homenageadas: Zeka Araújo, Cafi, Felipe Paiva e Antônio Guerreiro.

Criado em 2003, inicialmente bienal e anual a partir de 2011, nestes 18 anos o FotoRio abrigou mais de 1.200 exposições, projeções, debates, cursos e atividades afins, envolvendo centenas de fotógrafos brasileiros e estrangeiros. O formato on-line do FotoRio permite expandir ainda mais o alcance de toda a programação e incorporar participantes de todas as regiões do país e do exterior, com ênfase na América Latina.

A plataforma fotorio.fot.br é o canal para apresentação de obras, debates, exposições, oficinas, e desenvolvimento da cultura visual, garantindo a democratização do acesso à informação sobre a fotografia e seu universo. O FotoRio é um movimento de fotógrafos cariocas, coordenado por Erika Tambke, Ioana Mello, Milton Guran, Nana Moraes, Paulo Marcos de Mendonça Lima e Thomas Valentin.

 

 


/