Citroën planeja novo carro para fábrica do Rio | Diário do Porto

Investimentos

Citroën planeja novo carro para fábrica do Rio

Novo modelo da Citroën, que já é fabricado na China, seria feito na fábrica de Porto Real, que pertence ao grupo francês PSA

6 de novembro de 2020
Citroën registrou a patente do CL3 e pode fabricar novo carro em Porto Real, no Rio (foto: Citroën / Divulgação)

Compartilhe essa notícia:


A Citroën, que tem fábrica em Porto Real, no Sul do Estado do Rio, acaba de registrar a patente de um novo carro no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), o que indica sua intenção de investir em mais um modelo para o mercado brasileiro.

O modelo é o C3L, que já é vendido na China. Ele utiliza a mesma plataforma do C3, Aircross e Cactus, que são feitos em Porto Real. Nessa fábrica, inaugurada em 2001, a Citroën atua junto com a Peugeot, marcas que pertencem ao grupo francês PSA.

Em julho, a PSA anunciou o investimento de R$ 220 milhões para introduzir uma nova plataforma de carros nessa fábrica, que gera cerca de 3.000 empregos na região.

Citroën e Peugeot investiram US$ 1 bi na fábrica

O C3L é um sedã, modelo de 3 volumes, com dimensões parecidas com as de carros compactos já vendidos no país, como comprimento de 4,49 m e 1,78 m de largura. O seu destaque seria o bagageiro, com 627 litros, superando os concorrentes.

A fábrica da montadora, que tem capacidade para produzir até 100 mil veículos por ano, exigiu investimentos de cerca de US$ 1 bilhão para sua construção.

Segundo o grupo PSA, todas as atividades seu polo industrial, em Porto Real, seguem o Programa de Gestão Ambiental, que prioriza a redução do uso de recursos naturais (água, energia elétrica, gás natural) e busca minimizar a geração de resíduos provenientes dos processos industriais.

O programa, de acordo com o grupo, controla os impactos ambientais da fábrica e promove formação dos empregados, para que também se comprometam com a preservação ambiental.


LEIA TAMBÉM:

Feira de Imóveis Online terá 5.000 ofertas

Marinha lançará mais um submarino, no Rio

Fiocruz entregará vacina contra a Covid-19 em janeiro