Comércio

China é o principal comprador do petróleo exportado pelo Rio

No primeiro semestre, China foi quem mais importou petróleo produzido no Rio, segundo a Firjan. Balança comercial do Rio tem déficit

14 de setembro de 2020
China é o principal destino do Petróleo do Rio, com participação de 58% (Foto: Agência Brasil / Tania Rêgo)

Compartilhe essa notícia:


A China permaneceu como principal destino das exportações do petróleo do Rio, no primeiro semestre de 2020, com uma participação de 58% no total das operações. Apesar disso, houve uma queda de 23% nas vendas do óleo fluminense, segundo o boletim Rio Exporta, publicado pela Firjan Internacional.

A balança comercial do Rio movimentou US$ 25,7 bilhões (R$ 137,75 bilhões), 15% a mais em relação a 2019. No entanto, o Estado apresentou déficit de US$ 1,9 bilhão (R$ 10,1 bilhões), por conta dos efeitos da pandemia. O Rio manteve o segundo lugar em participação no comércio exterior do Brasil, representando 14% do total nacional, atrás apenas de São Paulo.

“A balança comercial fluminense registrou US$ 11,9 bilhões (R$ 63,6 bilhões) em exportações e US$ 13,8 bilhões (R$ 73,9 bilhões) em importações, números que refletem a complexidade do momento atual, pois os estágios da crise não ocorrem em todos os países e em todos os continentes ao mesmo tempo, e isso se reflete nos resultados do relacionamento comercial com os principais parceiros comerciais do Rio”, afirma Giorgio Luigi Rossi, coordenador da Firjan Internacional.

China é o principal destino das exportações

Em relação às exportações, o Rio registrou uma queda de 16%, reflexo do recuo de 8% nas vendas de produtos básicos (US$ 8,8 bilhões ou R$ 47,1 bilhões), que representaram 74% do total exportado. Em contrapartida, as importações cresceram 68%, consequência do aumento de 109% nas aquisições de bens industriais (US$ 12 bilhões ou R$ 64,3 bilhões), com avanço tanto nas compras de bens de capital, quanto de bens intermediários.


LEIA TAMBÉM

Ademi-RJ: mercado imobiliário se recupera na pandemia

Cassino do Quitandinha é o astro em vídeo do Sesc RJ

“A sobrevivência à margem da lei” e o #defendaolivro