CCBB RJ inaugura Floras: instalação virtual mutante | Diário do Porto


Exposição

CCBB RJ inaugura Floras: instalação virtual mutante

Ambientada no Foyer do CCBB RJ, “Floras” é uma grande paisagem virtual com samambaias, flores e folhas digitais movidas pelo vento imaginário

1 de dezembro de 2021

A natureza virtual de "Floras" ocupa foyer do CCBB RJ (divulgação/CCBB RJ)

Compartilhe essa notícia:


A partir hoje, o público que visitar o CCBB RJ irá encontrar no térreo da instituição um jardim sensorial e virtual feito de luz com samambaias, flores e folhas digitais movidas pelo vento, tempestades, pássaros e tudo o mais que a imaginação permitir

Obra da artista Rejane Cantoni, uma das artistas brasileiras com mais inserções internacionais em mostras de arte eletrônica e digital, “Floras” é uma instalação site specific, desenhada para refletir sobre Natureza e Tecnologia Blockchain, cryptoart e NFTs.

A instalação é composta por cerca de 50 animações geradas por processos algorítmicos analógicos e digitais, únicos e exclusivos. A série, um conjunto abstrato de reverberações factrais, explora formas orgânicas de grande impacto visual e força cromática.

“Floras” foi produzida especialmente para ambientar o hall de entrada do CCBB RJ e funciona como um jogo: seu estado inicial determina sua evolução. O programa digital atualiza a visualização da obra por meio de duas regras combinatórias: atração e repulsão. A função dessas regras é reconfigurar continuamente o todo a partir da interação entre as partes, o que significa que a instalação está em constante mutação. O mesmo espectador pode visitá-la infinitas vezes e ter uma experiência única em cada uma delas.


LEIA TAMBÉM:

Galeão ganha certificado por redução de CO²

Sesc RJ levará espírito do Natal a dez cidades do estado

Fecomércio RJ aponta queda da confiança na economia


Arte e tecnologia se encontram CCBB RJ

Em “Floras”, o público também é convidado a contribuir para a evolução da obra. A possibilidade de interação ocorre através do perfil do projeto @nft_floras, no Instagram.  Quando o visitante dá um “like” em um dos vídeos da página, o programa interpreta o “like” e, como resultado, novos vídeos serão gerados a partir dessa informação.

“O “Jardim de Luz” de Rejane Cantoni é, antes de tudo, um corpo mutante, que a cada interação faz nascer uma nova expressão pictórica, uma nova forma de simulacro da natureza, de esplendor vegetal, que dá ao “interator”– o agente externo – a capacidade da criação de um universo pessoal, que nasce de gestos simples e cotidianos, como os likes ou downloads que podem ser marcados dentro das infinitas possibilidades do suporte NFT, num jogo de distanciamento x imersão que é o leitmotiv do trabalho.  A artista assim, propõe um tratado sobre as variantes do acaso como forma de expressão”, diz Byron Mendes, curador da mostra que fica em cartaz no CCBB RJ até 24 de janeiro de 2022.

Serviço

“Floras”

Centro Cultural Banco do Brasil  RJ

De 01 de dezembro de 2021 a 24 de janeiro de 2022

De quarta a segunda de 9h às 20h. A entrada do público é permitida apenas com apresentação do comprovação de vacinação contra a COVID-19 e uso de máscara.

Rua Primeiro de Março, 66 – Centro, RJ (21) 3808-2020

www.bb.com.br/cultura/ www.twitter.com/ccbb_rj/ www.facebook.com/ccbb.rj

Entrada gratuita

 

 

 


/