CCBB inaugura mostra sobre Semana de Arte de 22 | Diário do Porto


Exposição

CCBB inaugura mostra sobre Semana de Arte de 22

Com curadoria de Tereza de Arruda, a exposição “Brasilidade Pós-Modernismo’” lança luz sobre a semana que inaugurou a moderna arte brasileira

29 de agosto de 2021

Obra de Ge Viana que estará na mostra “Brasilidade Pós-Modernismo" (divulgação/CCBB)

Compartilhe essa notícia:


Celebrar o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922, lançar luz nos traços, reminiscências e conquistas que o movimento trouxe às artes plásticas do Brasil, além de refletir sobre o processo de rever e atualizar este contexto. Este é o objetivo de “Brasilidade Pós-Modernismo”, mostra que será aberta ao público na próxima quarta-feira, dia 1 de setembro, e irá até 22 de novembro no Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro do Rio.

Com curadoria de Tereza de Arruda, mestre em História da Arte formada pela Universidade Livre de Berlim, a mostra chama atenção para as diversas características da arte contemporânea brasileira da atualidade, cuja existência se deve, em parte, ao legado da ousadia artística cultural e estética proposta pelo movimento modernista.


LEIA TAMBÉM:

Colômbia e Argentina retomam cruzeiros. Píer Mauá aguarda Anvisa

Nobre Bar e Grill será o novo restaurante do AQWA

Turistas sem CEP: Prefeitura quer nômades digitais no Porto


Mostra traz obras de Varejão, Tunga e Ge Viana

Nuances que o público poderá conferir nas obras dos 51 artistas de diversas gerações que compõem o corpo da exposição, entre os quais nomes fundamentais do cenário das artes plásticas como Adriana Varejão, Anna Bella Geiger, Arnaldo Antunes, Cildo Meireles, Daniel Lie, Ernesto Neto, Ge Viana, Jaider Esbell, Nelson Leirner, Rosana Paulino e Tunga.

“Esta exposição não é idealizada com o olhar histórico. Mas focada na atualidade com obras produzidas a partir de meados da década de 1960 até os dias de hoje, sendo algumas inéditas, ou seja, já com um distanciamento histórico dos primórdios da modernidade brasileira”, explica Tereza de Arruda. “Não é uma mostra elaborada como um ponto final, mas como uma partida, assim como foi a Semana de Arte Moderna de 1922, que propôs uma discussão inovadora para atender a demanda e inquietação de nosso tempo”, afirma a curadora.

Organizada em seis núcleos temáticos, Liberdade; Futuro; Identidade; Natureza; Estética e Poesia, a mostra apresenta pinturas, fotografias, desenhos, esculturas, instalações e novas mídias. Segundo Tereza de Arruda, por meio deste conjunto plural de obras, “a brasilidade se mostra diversificada e miscigenada, regional e cosmopolita, popular e erudita, folclórica e urbana”, completa.

Serviço:

Mostra coletiva ‘Brasilidade Pós-Modernismo’

Curadoria: Tereza de Arruda

Período: 1 de setembro a 22 de novembro

Local: Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB Rio de Janeiro

Endereço: Rua Primeiro de Março, 66 – Centro, Rio de Janeiro – RJ

Funcionamento: Quarta a segunda (fecha terça), das 9h às 19h aos domingos, segundas e quartas e das 9h às 20h às quintas, sextas e sábados.

*Em função da pandemia, é necessário realizar agendamento prévio no site eventim.com.br

Entrada gratuita, mediante a retirada de ingressos na bilheteria

Classificação: Livre

 


/