‘A Serpente’, de Nelson Rodrigues, está na programação do CCBB

A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

'A Serpente' está na programação do CCBB até o dia 3 de setembro deste ano (Foto: Facebook/CCBB)
‘A Serpente’ está na programação do CCBB até o dia 3 de setembro deste ano

QUINTA-FEIRA, 9 de agosto

‘A Serpente’ (CCBB)

A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

A direção é de Eric Lenate e o elenco formado por Carolina Lopez, Fernanda Heras, Eric Lenate, Rodrigo Caetano e Ana.

De 3.8.18 a 3.9.18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). SAIBA MAIS

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

De 3/8/18 a 3/9/18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Programação: ‘A Serpente’ (3.8.18 a 3.9.18) | ‘CCBB Educativo Agosto’ (1.8.18 a 31.8.18) | ‘7ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental’ (1.8.18 a 13.8.18) | ‘Construções Sensíveis’ (27.6.18 a 17.9.18) | ‘Galeria de Valores’ (1.12.14 a 31.12.18)

Das 9h às 21h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18)

Casa França-Brasil

DESTAQUE: A 16ª edição do ‘Dança em trânsito‘, que acontece de 6 a 12 de agosto no Rio de Janeiro, chega ao Brasil com uma programação variada, que inclui espetáculos, performances, workshops e residência de intercâmbios, reunindo sete companhias nacionais de internacionais.

Entrada franca. Veja a programação completa aqui.

Programação: ‘Dança em trânsito‘ (8.8.18 a 12.8.18)

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: Buscando uma abordagem diversa da usual, a exposição ‘Tunga – o rigor da distração’ reúne prioritariamente, pela primeira vez, um conjunto de obras focado em desenho, fotografia, cinema e texto, tomando a escultura e a instalação — aspectos mais conhecidos da obra de Tunga —, secundariamente.

De 30/6/18 a 4/11/18. Entrada franca.

Programação: ‘Feito poeira ao vento – fotografia na coleção MAR’ (19.8.17 a 19.8.18) | ‘O Rio do samba: resistência e reinvenção’ (28.4.18 a 10.3.19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30/6/18 a 4/11/18)

Museu do Amanhã

Programação: ‘Trilhar os amanhãs’ (3/5/18 a 31/12/18) | ‘Trilhar os amanhãs (em Libras)’ (1/6/18 a 31/12/18)

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: A exposição temporária ‘Paisagens da guerra – a pintura de E. de Martino‘ – coleção do pintor italiano que se estabeleceu no Brasil entre 1867 e 1875 – retrata as mais representativas batalhas navais da história brasileira, como as da Guerra da Tríplice Aliança, conflito entre as forças aliadas de Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, e as da Guerra do Uruguai da qual o Brasil fez parte.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no mundo – 1415 a 1822’ | ‘A construção da nação – 1822 a 1889’ | ‘A cidadania em construção – 1889 a atualidade’ ‘Farmácia homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 10h às 17h30. A entrada custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Palácio Tiradentes

Três Vezes Rio:  A mostra reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. È uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião d Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca. SAIBA MAIS

Boates e Casas de Show

Mississippi Delta Blues Bar

Show de Marco Lacerda e Marcus Kenyatta.

SAIBA MAIS

Trapiche Gamboa

Samba com Maryzelia.

A casa abre às 18h30 e a roda de samba é das 20h à 0h. Couvert artístico: R$ 20. Coloque seu nome na lista e pague R$ 15. Aniversariantes ganham entrada com direito a acompanhante. SAIBA MAIS

 

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

SEXTA-FEIRA, 10 de agosto

Compre seu ingresso antecipado no site da Tudus ou na bilheteria do Circo. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a quinta, das 12h às 19h; sexta, das 12h à 0h; sábado, das 14h à 0h; e sempre duas horas antes de cada evento.

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

De 3/8/18 a 3/9/18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Programação: ‘A Serpente’ (3/8/18 a 3/9/18) | ‘CCBB Educativo Agosto’ (1/8/18 a 31/8/18) | ‘7ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental’ (1/8/18 a 13/8/18) | ‘Construções Sensíveis’ (27/6/18 a 17/9/18) | ‘Galeria de Valores’ (1/12/14 a 31/12/18)

Das 9h às 21h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18)

Casa França-Brasil

DESTAQUE: A 16ª edição do ‘Dança em trânsito‘, que acontece de 6 a 12 de agosto no Rio de Janeiro, chega ao Brasil com uma programação variada, que inclui espetáculos, performances, workshops e residência de intercâmbios, reunindo sete companhias nacionais de internacionais.

Entrada franca. Veja a programação completa aqui.

Programação: ‘Dança em trânsito‘ (8.8.18 a 12.8.18)

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: O Museu de Arte do Rio volta a visitar a exposição ‘O Rio do Samba’ em uma edição do MAR de Música. Nesta sexta-feira o evento recebe o Pagode do Biro. Revivendo as rodas de samba do subúrbio carioca dos anos 80, o Pagode do Biro acontece desde 2014, na Tijuca, e é frequentado por um público de diversos bairros da cidade, tornando-se referência no mundo do samba. Por tradição, a roda sempre recebe um convidado e, desta vez, será o sambista Zé Luiz do Império.

A partir das 17h. Os ingressos para esta edição já estão à venda na bilheteria do museu e custam R$ 5 (valor de meia entrada) até o dia 9 de agosto.

Programação: ‘Feito poeira ao vento – Fotografia na Coleção MAR’ (19/08/17 a 19/08/18) | ‘O RIO DO SAMBA: resistência e reinvenção’ (28/4/18 a 10/3/19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30/06/18 a 4/11/18).

Das 9h30 às 18h. Entrada franca.

Museu do Amanhã

Programação: ‘Trilhar os Amanhãs’ (3/5/18 a 31/12/18) | ‘Trilhar os Amanhãs em Libras’ (1/6/18 a 31/12/18)

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: A exposição temporária ‘Paisagens da Guerra – A Pintura de E. de Martino‘ – coleção do pintor italiano que se estabeleceu no Brasil entre 1867 e 1875 – retrata as mais representativas batalhas navais da história brasileira, como as da Guerra da Tríplice Aliança, conflito entre as forças aliadas de Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, e as da Guerra do Uruguai da qual o Brasil fez parte.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no Mundo – 1415 a 1822’ | ‘A Construção da Nação – 1822 a 1889’ | ‘A Cidadania em Construção – 1889 a Atualidade’‘Farmácia Homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 10h às 17h30. A entrada custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Palácio Tiradentes

Três Vezes Rio:  A mostra reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. È uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião d Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

Teatros e Cinemas

Teatro João Caetano

Favela 2 – A Gente não Desiste‘, mostra a continuação das histórias mostradas no espetáculo ‘Favela 1’. Todos os personagens presentes em histórias inéditas: a senhora aposentada, a família do pastor e seus fiéis seguidores, o casal que vive brigando, o jovem que sofre preconceito por ser negro e morar na favela e todos os outros personagens que há cinco anos divertem o público.

De 10/8/18 a 19/8/18. Às 19h30. Ingressos à venda online ou nas bilheterias do Teatro João Caetano. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a sexta, das 13h às 19h; sábado, domingo e feriado, das 15h às 18h; havendo espetáculo, até a hora da apresentação.

Boates e Casas de Show

Fundição Progresso

Encontro das Tribos com Maneva e Onze:20. Abertura com Gabriel Elias.

Abertura dos portões às 22h. Ingressos à venda online ou nas bilheterias da Fundição Progresso. Horário de funcionamento da bilheteria: de segunda a sexta, das 11h às 20h; sábado (somente em dias de show), a partir das 12h. SAIBA MAIS

Circo Voador

O Circo Voador juntou três grupos expoentes da nova geração do samba de gafieira e forró para animar a sexta-feira na Noite do Bem Bolado. São eles o Samba Independente dos Bons Costumes, o Samba que Elas Querem e o Sexteto Sucupira. Antes e depois dos shows, a seleção sonora fica por conta do DJ Tales Mulatu, que já animou muitos bailes de grupos como Amigos da Onça, Vulcão Erupçado, festas juninas e bailes carnavalescos inesquecíveis.

Abertura dos portões às 22h. Ingressos à venda online ou nas bilheterias do Circo Voador. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a quinta, das 12h às 19h; sexta, das 12h à 0h; sábado, das 14h à 0h; e sempre duas horas antes de cada evento.

Mississippi Delta Blues Bar

Show de Wagner Ricciardi. SAIBA MAIS

Trapiche Gamboa

Mais uma edição do projeto ‘Samba de Gafieira’, comandado pelo cavaquinista e cantor Alaan Monteiro, com participações dos cantores João Cavalcanti e Iracema Monteiro.

Como um baile para cantar, sambar, bailar e sair felizão, igual o anfitrião, o ‘Samba de Gafieira’ faz uma boa mistura de ritmos com tudo o que temos direito. Assim, incríveis músicos interpretam as obras das carreiras de Jacob do Bandolim, Pixinguinha, João Nogueira, João Bosco, Tom Jobim, Baden Powell, Cartola e Noel Rosa, entre tantos outros.

A casa abre as 19h30. Couvert artístico: R$ 30. Coloque seu nome na lista amiga até as 20h de sexta e pague R$ 25.

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

SÁBADO, 11 de agosto

 

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

De 3/8/18 a 3/9/18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Programação: ‘A Serpente’ (3/8/18 a 3/9/18) | ‘CCBB Educativo Agosto’ (1/8/18 a 31/8/18) | ‘7ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental’ (1/8/18 a 13/8/18) | ‘Construções Sensíveis’ (27/6/18 a 17/9/18) | ‘Galeria de Valores’ (1/12/14 a 31/12/18)

Das 9h às 21h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18)

Casa França-Brasil

DESTAQUE: A 16ª edição do ‘Dança em trânsito‘, que acontece de 6 a 12 de agosto no Rio de Janeiro, chega ao Brasil com uma programação variada, que inclui espetáculos, performances, workshops e residência de intercâmbios, reunindo sete companhias nacionais de internacionais.

Entrada franca. Veja a programação completa aqui.

Programação: ‘Dança em trânsito‘ (8.8.18 a 12.8.18)

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: Buscando uma abordagem diversa da usual, a exposição ‘Tunga – o rigor da distração’ vai reunir prioritariamente, pela primeira vez, um conjunto de obras focado em desenho, fotografia, cinema e texto, tomando a escultura e a instalação — aspectos mais conhecidos da obra de Tunga —, secundariamente.

De 30/6/18 a 4/11/18. Entrada franca.

Programação: ‘Feito poeira ao vento – Fotografia na Coleção MAR’ (19.8.17 a 19.8.18) | ‘O RIO DO SAMBA: resistência e reinvenção’ (28.4.18 a 10.3.19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30.6.18 a 4.11.18) | ‘Conheça o MAR’ | ‘Atividade Educativa’

Das 9h30 às 18h. Entrada franca.

Museu do Amanhã

DESTAQUE: A FLUP – Festa Literária das Periferias – surgiu em 2012 para fortalecer o papel das periferias brasileiras nos debates sobre literatura e leitura. Se consolidou na agenda da cidade do Rio de Janeiro como um festival que reúne artistas e escritores do mundo inteiro para debater, experimentar, produzir e ampliar o poder da leitura.

De 2.6.18 a 15.9.18 (somente aos sábados, de 17h às 19h). Ingressos pelo site.

Programação: ‘Trilhar os Amanhãs’ (3.5.18 a 31.12.18) | ‘Trilhar os Amanhãs em Libras’ (1.6.18 a 31.12.18) | ‘FLUP – Festa Literária das periferias’ (2.6.18 a 15.9.18).

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: A exposição temporária ‘Paisagens da Guerra – A Pintura de E. de Martino‘ – coleção do pintor italiano que se estabeleceu no Brasil entre 1867 e 1875 – retrata as mais representativas batalhas navais da história brasileira, como as da Guerra da Tríplice Aliança, conflito entre as forças aliadas de Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, e as da Guerra do Uruguai da qual o Brasil fez parte.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no Mundo – 1415 a 1822’ | ‘A Construção da Nação – 1822 a 1889’ | ‘A Cidadania em Construção – 1889 a Atualidade’ ‘Farmácia Homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 13h às 17h. A entrada custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Palácio Tiradentes

Três Vezes Rio:  A mostra reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. É uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião d Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

Teatros e Cinemas

Teatro João Caetano

Favela 2 – A Gente não Desiste‘, mostra a continuação das histórias mostradas no espetáculo ‘Favela 1’. Todos os personagens presentes em histórias inéditas: a senhora aposentada, a família do pastor e seus fiéis seguidores, o casal que vive brigando, o jovem que sofre preconceito por ser negro e morar na favela e todos os outros personagens que há cinco anos divertem o público.

De 10/8/18 a 19/8/18. Às 19h30. Ingressos à venda online ou nas bilheterias do Teatro João Caetano. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a sexta, das 13h às 19h; sábado, domingo e feriado, das 15h às 18h; havendo espetáculo, até a hora da apresentação.

Boates e Casas de Show

Fundição Progresso

Baile do Amor com os DJs Delacruz, Rennan da Penha, Flávia Xexeo, DJ Lindão, DJ Fish, Rafael Pitbull, DJ Tamy e Tekinho G Rap.

Abertura dos portões às 22h. Ingressos à venda online ou nas bilheterias da Fundição Progresso. Horário de funcionamento da bilheteria: de segunda a sexta, das 11h às 20h; sábado (somente em dias de show), a partir das 12h.

Circo Voador

Erasmo Carlos está de volta ao palco da lona, após um hiato de seis anos, para lançar o disco ‘Amor é Isso’, em que se joga de peito aberto às canções. Produzido por Pupillo, o álbum já figura entre os melhores da carreira do Tremendão e traz parcerias com grandes nomes como Marisa Monte, Arnaldo Antunes, Emicida, Adriana Calcanhotto e Marcelo Camelo.

Pra começar, o festejado artista cearense Daniel Groove faz sua estreia no Circo trazendo na bagagem seu novo trabalho, ‘Levante’, produzido pelo lendário Carlos Educardo Miranda. Nos intervalos, DJ Demonho dá aquela apimentada na pista com sets que vão do rock ao blues, passando por uma mpb das antigas.

Abertura dos portões às 22h. Ingressos à venda online ou nas bilheterias do Circo Voador. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a quinta, das 12h às 19h; sexta, das 12h à 0h; sábado, das 14h à 0h; e sempre duas horas antes de cada evento.

Mississippi Delta Blues Bar

A FLUP convida para o Slam Pequena África, disputa que vai reunir os participantes do ciclo de formação Poesia Preta. Chegou a hora de “por poesia pra fora!”

Este é o segundo de três slams classificatórios para uma grande final, que premiará o campeão com a publicação de um livro solo com o selo FLUP, um convite para dividir uma mesa da FLUP de novembro com um poeta de projeção internacional e uma vaga na versão nacional do Rio Poetry Slam.

A partir das 18h30. Entrada é franca.

Trapiche Gamboa

Formado pelos músicos Alessandro Cardozo, Alexandre Marmita, Dinho, Leandro Saramago, Rodrigo Jesus e Rodrigo Reis, o Grupo Ciranda retorna pra mais uma rodada no Trapiche Gamboa.

A casa abre as 20h30. Couvert artístico: R$ 30. Coloque seu nome na lista amiga até as 20h de sábado e pague R$ 25.

The Week

Sábado é dia de COSMO e Wallpaper na The Week Rio. Pista Cosmo: Dri Toscano, Morais, Felipe Lira, Gustavo Junior | Pista Wallpaper: Felipe Mar, Pedro Myguel, Lela Gomes, Marvitto, Gui Serrano.

Eventos

Terreirão do Samba

Festival do Podrão/Comida de Rua

A partir das 13h. O ingresso custa R$ 10.

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

DOMINGO, 12 de agosto

‘Rio Cello’ (Museu do Amanhã)

Nos dias 12 e 18 de agosto, o Museu do Amanhã recebe o evento Rio Cello, criado em 1994 pelo violoncelista inglês David Chew. Trata-se de uma apresentação musical com os mais diversos instrumentos, bailarinos e artistas plásticos vindos de todas as partes do mundo que realizam apresentações e workshops gratuitos.

O evento acontece às 11h no Auditório e às 12h30 no Átrio do Museu. Entre no site oficial do evento para mais informações.

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

De 3/8/18 a 3/9/18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Programação: ‘A Serpente’ (3/8/18 a 3/9/18) | ‘CCBB Educativo Agosto’ (1/8/18 a 31/8/18) | ‘7ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental’ (1/8/18 a 13/8/18) | ‘Construções Sensíveis’ (27/6/18 a 17/9/18) | ‘Galeria de Valores’ (1/12/14 a 31/12/18)

Das 9h às 21h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18)

Casa França-Brasil

DESTAQUE: A 16ª edição do ‘Dança em trânsito‘, que acontece de 6 a 12 de agosto no Rio de Janeiro, chega ao Brasil com uma programação variada, que inclui espetáculos, performances, workshops e residência de intercâmbios, reunindo sete companhias nacionais de internacionais.

Entrada franca. Veja a programação completa aqui.

Programação: ‘Dança em trânsito‘ (8.8.18 a 12.8.18)

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: Buscando uma abordagem diversa da usual, a exposição ‘Tunga – o rigor da distração’ vai reunir prioritariamente, pela primeira vez, um conjunto de obras focado em desenho, fotografia, cinema e texto, tomando a escultura e a instalação — aspectos mais conhecidos da obra de Tunga —, secundariamente.

De 30/6/18 a 4/11/18. Entrada franca.

Programação: ‘Feito poeira ao vento – Fotografia na Coleção MAR’ (19/8/17 a 19/8/18) | ‘O RIO DO SAMBA: resistência e reinvenção’ (28/4/18 a 10/3/19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30/6/18 a 4/11/18)

Das 9h30 às 18h. Entrada franca.

Museu do Amanhã

DESTAQUE: Nos dias 12 e 18 de agosto, o Museu do Amanhã recebe o evento Rio Cello, criado em 1994 pelo violoncelista inglês David Chew. Trata-se de uma apresentação musical com os mais diversos instrumentos, bailarinos e artistas plásticos vindos de todas as partes do mundo que realizam apresentações e workshops gratuitos.

O evento acontece às 11h no Auditório e às 12h30 no Átrio do Museu. Entre no site oficial do evento para mais informações.

Programação: ‘Rio Cello‘ (12.8.18 a 18.8.18) | ‘Trilhar os Amanhãs’ (3/5/18 a 31/12/18) | ‘Trilhar os Amanhãs em Libras’ (1/6/18 a 31/12/18)

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: Jovens e adultos podem participam do Bonde da História “Pinturas históricas” – com intérprete de libras. A visita será na exposição “A construção da nação”, com ênfase nos quadros do século XIX do gênero Pintura Histórica.

As telas “Sessão do Conselho de Ministros”, de Georgina Albuquerque, ou “A ilusão do Terceiro Reinado”, de Aurélio de Figueiredo, também conhecido como “O último baile da Ilha Fiscal”, são exemplos de pinturas históricas na coleção do MHN.

Das 14h às 15h30. Entrada franca.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no Mundo – 1415 a 1822’ | ‘A Construção da Nação – 1822 a 1889’ | ‘A Cidadania em Construção – 1889 a Atualidade’ ‘Farmácia Homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 13h às 17h. Entrada franca.

Palácio Tiradentes

A mostra ‘Três Vezes Rio’ reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. È uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

Teatros e Cinemas

Teatro João Caetano

Favela 2 – A Gente não Desiste‘, mostra a continuação das histórias mostradas no espetáculo ‘Favela 1’. Todos os personagens presentes em histórias inéditas: a senhora aposentada, a família do pastor e seus fiéis seguidores, o casal que vive brigando, o jovem que sofre preconceito por ser negro e morar na favela e todos os outros personagens que há cinco anos divertem o público.

De 10/8/18 a 19/8/18. Às 18h. Ingressos à venda online ou nas bilheterias do Teatro João Caetano. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a sexta, das 13h às 19h; sábado, domingo e feriado, das 15h às 18h; havendo espetáculo, até a hora da apresentação.

Eventos

Terreirão do Samba

Festival do Podrão/Comida de Rua

A partir das 13h. O ingresso custa R$ 10.

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

SEGUNDA-FEIRA, 13 de agosto

 

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A peça ‘A Serpente’, a última escrita por Nelson Rodrigues, conta a história de uma mulher que se apaixona pelo cunhado depois de passar uma noite com ele com o consentimento da irmã. As duas começam, então, a disputar o mesmo homem.

De 3/8/18 a 3/9/18. Das 19h às 20h. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Programação: ‘A Serpente’ (3/8/18 a 3/9/18) | ‘CCBB Educativo Agosto’ (1/8/18 a 31/8/18) | ‘7ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental’ (1/8/18 a 13/8/18) | ‘Construções Sensíveis’ (27/6/18 a 17/9/18) | ‘Galeria de Valores’ (1/12/14 a 31/12/18)

Das 9h às 21h. Entrada franca. SAIBA MAIS

Museus

Museu do Amanhã

DESTAQUE: Intencionalmente organizada a um ano das eleições majoritárias, a plataforma ‘2018: Brasil do Amanhã’ se propõe a desenvolver temas de interesse nacional de maneira científica a partir de dados concretos, evidências ou constatações acadêmicas, com o objetivo de aprimorar o nível de informação, engajamento social e mobilização no período que antecede o processo de representação democrática pelo voto.

Programação: ‘Trilhar os Amanhãs’ (3/5/18 a 31/12/18) | ‘Trilhar os Amanhãs em Libras’ (1/6/18 a 31/12/18) | ‘FLUP – Festa Literária das periferias’ (2/6/18 a 15/9/18).

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Palácio Itamaraty – Museu Histórico e Diplomático

No interior do Palácio Itamaraty, na Rua Marechal Floriano 196, o Museu Histórico e Diplomático (MHD) reúne um belo acervo sobre a história diplomática do Brasil. Em seus amplos salões, caracterizados como uma residência no século XIX, há obras de arte, mobiliário de época e objetos decorativos.

Visitas guiadas as 13h, 14h e 15h. Entrada franca.

Palácio Tiradentes

Três Vezes Rio:  A mostra reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. È uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião d Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

Eventos

Pedra do Sal

Todas as segundas acontecem na Zona Portuária duas rodas de samba praticamente no mesmo local, divididas apenas por rua/esquina. Uma é chamada Roda de Samba da Pedra do Sal e a outra Roda de Samba da Prainha. Em caso de chuva, não há samba.

A Pedra do Sal fica na Rua Argemiro Bulcão 38, Largo João da Baiana, aos pés do Morro da Conceição – Saúde.

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

TERÇA-FEIRA, 14 de agosto

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18)

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: Falecido em 2016, Tunga foi um dos maiores artistas brasileiros. Tendo como base de sua criação o Rio de Janeiro, Tunga percorreu uma longa e extraordinária trajetória que se confunde com a própria história da arte brasileira e dos movimentos artísticos surgidos no Brasil nas últimas décadas.

Buscando uma abordagem diversa da usual, a exposição ‘Tunga – o rigor da distração’ vai reunir prioritariamente, pela primeira vez, um conjunto de obras focado em desenho, fotografia, cinema e texto, tomando a escultura e a instalação — aspectos mais conhecidos da obra de Tunga —, secundariamente. O objetivo é descortinar a complexidade e grandeza de sua obra, revelando ao público aspectos menos conhecidos e que, entretanto, não são de menor importância.

De 30/6/18 a 4/11/18. Entrada franca.

Programação: ‘Feito poeira ao vento – Fotografia na Coleção MAR’ (19/8/17 a 19/8/18) | ‘O RIO DO SAMBA: resistência e reinvenção’ (28/4/18 a 10/3/19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30/6/18 a 4/11/18)

Das 9h30 às 18h. Entrada franca.

Museu do Amanhã

DESTAQUE: A FLUP – Festa Literária das Periferias – surgiu em 2012 para fortalecer o papel das periferias brasileiras nos debates sobre literatura e leitura. Se consolidou na agenda da cidade do Rio de Janeiro como um festival que reúne artistas e escritores do mundo inteiro para debater, experimentar, produzir e ampliar o poder da leitura. A festa é a culminância de um processo que dura o ano todo, envolvendo a formação de novos agentes de cultura.

Programação: ‘Trilhar os Amanhãs’ (3/5/18 a 31/12/18) | ‘Trilhar os Amanhãs em Libras’ (1/6/18 a 31/12/18) | ‘FLUP – Festa Literária das periferias’ (2/6/18 a 15/9/18).

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: A exposição temporária ‘Paisagens da Guerra – A Pintura de E. de Martino‘ – coleção do pintor italiano que se estabeleceu no Brasil entre 1867 e 1875 – retrata as mais representativas batalhas navais da história brasileira, como as da Guerra da Tríplice Aliança, conflito entre as forças aliadas de Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, e as da Guerra do Uruguai da qual o Brasil fez parte.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no Mundo – 1415 a 1822’ | ‘A Construção da Nação – 1822 a 1889’ | ‘A Cidadania em Construção – 1889 a Atualidade’ ‘Farmácia Homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 13h às 17h. A entrada custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). SAIBA MAIS

Palácio Tiradentes

Três Vezes Rio:  A mostra reúne fotografias do artista plástico e fotógrafo Aristides Corrêa Dutra. É uma rememoração de sua vivência em diferentes lugares da cidade de São Sebastião d Rio de Janeiro. Da riqueza colonial ao contemporâneo, a mostra transcorre pelo neomedievalismo ao nacionalismo caboclo.

De 2 a 31 de agosto. Entrada franca.

Boates e Casas de Show

Mississippi Delta Blues Bar

Clube do Blues RJ – Mauricio Sahady & Convidados

SAIBA MAIS

 

Guia Maravilha - o melhor roteiro do centro do Rio.

QUARTA-FEIRA, 15 de agosto

‘Monstros no cinema’ (CCBB)

A mostra ‘Monstros no cinema‘ faz um apanhado de filmes de monstros que têm aterrorizado e encantado plateias do mundo todo ao longo da história da sétima arte, do clássico ‘O Golem’ ao mais recente vencedor do Oscar ‘A Forma da Água’, passando por títulos como ‘Drácula’, ‘Frankenstein’, ‘Godzilla’, ‘Alien’, ‘O Vingador Tóxico’, ‘Gremlin’s e ‘Mar Negro’.

Reunindo alguns dos principais filmes já produzidos sobre o assunto — de estilos, períodos e lugares diversos —, a programação também inclui mesas de debate, aula magna e uma oficina de maquiagem.

De 15.8.18 a 10.9.18. Entrada franca. Veja aqui a programação completa.

Centros de Arte e Cultura

Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB)

DESTAQUE: A mostra ‘Monstros no cinema‘ faz um apanhado de filmes de monstros que têm aterrorizado e encantado plateias do mundo todo ao longo da história da sétima arte, do clássico ‘O Golem’ ao mais recente vencedor do Oscar ‘A Forma da Água’, passando por títulos como ‘Drácula’, ‘Frankenstein’, ‘Godzilla’, ‘Alien’, ‘O Vingador Tóxico’, ‘Gremlin’s e ‘Mar Negro’.

De 15.8.18 a 10.9.18. Entrada franca. Veja aqui a programação completa.

Programação: Monstros no cinema‘ (15.8.18 a 10.9.18) | ‘Naquele dia vi você sumir‘ (15.8.18 a 14.10.18) |  ‘A palavra fora do lugar: escritores refugiados e em risco‘ (15.8.18 a 29.8.18) | CCBB Educativo Agosto’ (1.8.18 a 31.8.18) | ‘Construções Sensíveis’ (27.6.18 a 17.9.18) | ‘Música no Museu’ (1.8.18 a 29.8.18) | ‘Galeria de Valores’ (1.12.14 a 31.12.18).

Das 9h às 21h. Entrada franca.

Centro Cultural dos Correios

DESTAQUE: ‘Uma afirmação da presença‘: Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte.

De 25.7.18 a 9.9.18. Entrada franca.

Programação:Uma afirmação da presença‘ (25.7.18 a 9.9.18).

Museus

Museu de Arte do Rio (MAR)

DESTAQUE: 

De 30/6/18 a 4/11/18. Entrada franca.

Programação: ‘Feito poeira ao vento’ (19.8.17 a 19.8.18) | ‘O Rio do samba: resistência e reinvenção’ (28.4.18 a 10.3.19) | ‘Tunga – o rigor da distração’ (30.6.18 a 4.11.18).

Das 9h30 às 18h. Entrada franca.

Museu do Amanhã

DESTAQUE: 

De 2/6/18 a 15/9/18. Entrada franca.

Programação: ‘Trilhar os amanhãs’ (3.5.18 a 31.12.18) | ‘Trilhar os amanhãs (em Libras)’ (1.6.18 a 31.12.18) | ‘FLUP – festa Literária das periferias’ (2.6.18 a 15.9.18).

Das 10h às 18h (última entrada às 17h). Ingressos pelo site.

Museu Histórico Nacional

DESTAQUE: A exposição temporária ‘Paisagens da Guerra – a pintura de E. de Martino‘ – coleção do pintor italiano que se estabeleceu no Brasil entre 1867 e 1875 – retrata as mais representativas batalhas navais da história brasileira, como as da Guerra da Tríplice Aliança, conflito entre as forças aliadas de Brasil, Argentina e Uruguai contra o Paraguai, e as da Guerra do Uruguai da qual o Brasil fez parte.

Programação: ‘Oreretama’ | ‘Portugueses no mundo – 1415 a 1822’ | ‘A construção da nação – 1822 a 1889’ | ‘A cidadania em construção – 1889 a atualidade’ ‘Farmácia homeopática Teixeira Novaes’ | ‘Do móvel ao automóvel: transitando pela história’.

Das 10h às 17h30. A entrada custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).

Todas as Notícias