5 dicas para quem quer investir em vida saudável | Diário do Porto

Empreendedorismo

5 dicas para quem quer investir em vida saudável

Relatório do Sebrae aponta oportunidades na abertura de academias e outros espaços privados para atividades físicas e desportivas na região: atualmente, são apenas 20

27 de outubro de 2018




Compartilhe essa notícia:


Orla Conde_Foto RioTur (Alexandre Macieira) (3)
Orla Conde é ponto de encontro para novos hábitos de vida saudável (Foto: Alexandre Macieira/Riotur)

Além da oferta de esportes ao ar livre, como corrida e ciclismo, é grande na Região Portuária o potencial do mercado fitness, que inclui e academias de ginástica e de condicionamento físico. O segmento é um dos que mais crescem no Brasil, o segundo em número de academias no mundo e o primeiro da América Latina. São mais de 32 mil academias existentes por todo o país.

Segundo recente relatório do Sebrae, na Região Portuária, a presença tanto de academias como de outros de espaços privados para atividades físicas e desportivas ainda é tímida. São aproximadamente 20 estabelecimentos registrados, entre os 39 existentes nesse mercado, como academias de ginástica, hidroginástica, yoga, pilates, lutas marciais, escolas de basquete, vôlei, futebol, natação e outras. As oportunidades ainda são muitas.

“Em busca de uma vida mais ativa, as pessoas têm conjugado a atividade física com a jornada diária, se exercitando em locais próximos ao trabalho. Cresce o número dos que batem ponto na academia no horário de almoço. Quase um terço dos brasileiros que praticam esportes o faz em academias, ginásios e clubes. Só 5,1% praticam na própria casa ou no condomínio”, destaca o documento.

Se você acompanhou a nossa série de matérias sobre Vida Saudável no Porto e quiser montar um negócio nesse segmento, fique ligado. Um relatório de inteligência do Sebrae distribuído aos inscritos no programa traz dicas interessantes. Confira:

1 – Pesquise sobre a demanda dos potenciais clientes
Antes de implementar novidades no cardápio ou produtos para venda, faça uma sondagem com potenciais clientes para testar a aderência das suas ideias.

2 – Avalie a perspectiva dos serviços
Neste universo, é comum a venda de serviços de consultoria e orientação nutricional e esportiva. Se o seu negócio é esse, crescem as oportunidades de oferecer algo inovador. Já se você planeja contratar orientação técnica, fique atento à qualificação do profissional para ter respaldo e segurança.

3 – Acompanhe as tendências do mercado fitness e melhore a experiência
Monitore os concorrentes. Veja os preços praticados, os pacotes e condições de pagamento, os aparelhos e atividades oferecidas. Treine a equipe e professores para um bom relacionamento com os alunos. Identifique uma forma de se diferenciar na proposta de valor.

4 – Siga o calendário de corridas e eventos esportivos na região
Mantenha-se informado. Avalie abrir o negócio nos dias de evento para aproveitar o movimento gerado pelas corridas. Ofereça alguma promoção ou oferta especial para os atletas e organizadores e estude dar apoio aos eventos para divulgar sua marca.

5 – Associe sua marca à promoção de um estilo de vida saudável
Estimule seus clientes e funcionários a terem uma vida mais ativa e hábitos saudáveis.

VEJA MAIS:
Porto na rota dos corredores de rua

Ciclovias estimulam novos negócios no Centro do Rio

Conheça o Espaço Vida Saudável no Guia Maravilha